Parado há seis anos, Gabriel prepara anúncio de aposentadoria e Grêmio encaminha futuro do zagueiro

Zagueiro nunca conseguiu se recuperar de uma lesão ligamentar no joelho esquerdo em 2013

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O tema Gabriel, praticamente assunto proibido no Grêmio, vai enfim ganhando um desfecho. Sem jogar desde 2013, quando rompeu os ligamentos do joelho esquerdo e nunca mais se recuperou, o atleta já prepara o anúncio da aposentadoria como atleta profissional. Ele seguirá no clube exercendo algum cargo administrativo.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

A própria função desse novo cargo ainda é analisada pela direção do clube, que renovou por mais três meses o vínculo do jogador para ter tempo de acertar os detalhes, de acordo com o Globoesporte.com. O contrato, vale lembrar, ia até o final da temporada de 2019.

Algumas pendências como possíveis indenizações ao tricolor, algo nunca cogitado pelo atleta, além de salário “justo” e proteções ainda estão sendo tratadas para evitar qualquer tipo de problema contratual.

Cinco cirurgias, apoio do clube e rotina discreta

Renato Portaluppi também era o treinador em 2013, quando Gabriel vinha ganhando espaço no time até romper os ligamentos em um treinamento em Salvador, na Bahia. Saiu carregado de campo, passou por cirurgia nos dias seguintes e ficou o restante da temporada de fora. O que se comenta é que o pós-operatório gerou complicações através de uma infecção e retardou todo o processo de volta aos gramados. Na época, ele tinha 24 anos. E teve que fazer outros quatro procedimentos no local.

Como forma de dar respaldo ao jogador na sua recuperação, sem “abandoná-lo”, o Grêmioo comprou junto ao Lajeadense e dá todo suporte nas atividades físicas necessárias. Mas Gabriel, nas vezes em que é visto, se mostra ainda fora de forma, sem uma perspectiva clara de retorno. Nas conquistas recentes do clube, ele esteve nas comemorações ao lado dos companheiros.

LEIA MAIS:

Paulo Miranda responde jornalista colorado que ironizou zaga reserva do Grêmio: “Tudo normal”

Fuchs comenta entrada no time titular logo no Gre-Nal; Coudet explica saída de Moledo

Renato celebra vitória no Beira-Rio e diz que torce para o Inter na Libertadores: “Gre-Nal é muito bom”

Siga o autor:

No YouTube

No Instagram