Por que Rodrygo ainda permanece no Real Madrid Castilla?

Rodrygo segue sendo opção para o Real Madrid Castilla, com pouca utilização no time principal

Luis Fernando Bernardo
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação

O Jornalista José Félix Diaz publicou no jornal espanhol Marca sua coluna comentando a situação do atacante Rodrygo Goes.

Na publicação Diaz comenta a possível ausência de Rodrygo no clássico contra o Barcelona que será realizado no dia 01 de março. O jornalista afirma que a ausência do atacante não será um problema para o treinador Zinedine Zidane, já que este não contou com o brasileiro nos últimos 4 jogos.

Você conhece o canal do Torcedores no Youtube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Porém Diaz não compreende a ausência do atleta, principalmente pelo momento vivido pelo Madrid, onde os gols estão escassos. O jornalista não afirma não compreender porque Rodrygo vem atuando pelo Castilla, já que no time principal marcou 7 gols em 18 jogos, e claramente poderia ser um opção para o jejum de gols da equipe. Diaz afirma ainda que apesar da pouca idade, 19 anos, a maturidade é uma de suas principais características

Ainda sobre o momento no Castilla o jornalista afirma que apesar de não ser fácil ficar fora do time principal, o atacante tem agido como no começo da temporada priorizando o silêncio e o empenho no trabalho, como se nada estivesse acontecendo.

Para Rodrygo não tem sido fácil ficar fora do time principal e ter de disputar a terceira divisão. Na partida contra o Sanse no último domingo Rodrygo foi destaque da partida pelo gol marcado e pela provação ao goleiro adversário que resultou em sua expulsão, apesar de já ser o destaque para os torcedores e despertar todo cuidado dos jogadores adversários.

Diaz termina sua publicação questionando o desempenho de Rodrygo contra o Sanse e a falta de desempenho da ataque do time principal, deixando no ar a dúvida do porque o atacante, que reúne as qualidades necessárias ao Real Madrid neste momento, ainda permanece no time B.

E afirma que somente o treinador Zinedine Zidane pode responder à este questionamento, deixando claro que é dele a responsabilidade de levar ao time B e ao campeonato da terceira divisão um jogador que já consegui marcar um gol na Liga dos Campeões e reagiu bem jogando no Camp Nou e em Istambul.

LEIA MAIS

Neymar expulso: veja a lista de jogos em que o craque recebeu cartão vermelho na carreira

Crise no Barcelona se agrava e Bartomeu fica cada vez mais isolado internamente