CBF se incomoda e reclama de clubes após cobranças por ajuda financeira em meio à pandemia

Entidade teve receita de quase R$ 1 bilhão, em 2019. Número é recorde

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 27 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017).

Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

Pressionada por entidades que representam jogadores de futebol, clubes brasileiros e opinião pública a dar suporte financeiro (especialmente aos times menores) em virtude da pandemia do coronavírus que paralisou o esporte mundial, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) apresentou insatisfação e solicitou que alguns dirigentes ‘baixem a bola’, em relação às cobranças via imprensa. A informação é do site UOL.

De acordo com o portal de notícias, o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, entrou em contato com alguns clubes a fim de resolver o impasse. Além disso, a entidade tem uma reunião virtual marcada para esta terça-feira (31).

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Os clubes estão numa situação de um certo desespero, especialmente os menores. E com a perspectiva de grande diminuição de receita, sem arrecadar bilheteria, patrocinadores. E na reunião eu levantei essa possibilidade pra entender se a CBF poderia contribuir”, declarou Alexandre Campello, presidente do Vasco da Gama, em entrevista ao site UOL.

Times e jogadores da Série C cobram entidade

Na sexta-feira (27), representantes da Terceira Divisão do Campeonato Brasileiro se reuniram para encontrar soluções em meio ao período sem jogos oficiais. A CBF, entretanto, não participou.

“O foco principal foi a necessidade dos clubes encontrarem uma solução financeira pra esse período que vão ficar sem jogos. Esse é o problema mais imediato a ser resolvido, até porque os clubes, de uma forma geral, não têm receita fixa que dê pra fazer frente a essas despesas”, explicou Fábio Bentes, presidente do Clube do Remo.

Além disso, jogadores dos times que integram o torneio nacional também reivindicaram ajuda da CBF. Em documento compartilhado pelo zagueiro Danny Morais, do Santa Cruz, pelo menos 16 capitães assinaram o abaixo-assinado.

Leia também:

Jogadores sugerem redução do Brasileirão e cobram CBF e Globo por Estaduais 2020

Mauro Cezar detona dirigentes dos clubes por omissão à CBF: “ninguém tá em aí!”

Série C: sem a CBF, clubes se reúnem e cobram apoio da entidade