Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Demian Maia admite chance de se aposentar e elenca rivais

Após derrota para Gilbert Durinho, brasileiro afirmou que irá fazer apenas mais uma luta no UFC

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reprodução/Facebook UFC Brasil

O final de carreira de Demian Maia no MMA ficou mais próximo após a derrota para Gilbert Durinho neste sábado (14) no UFC Brasília. Com mais uma luta no contrato, o lutador paulista já indica que sua aposentadoria não deve demorar para acontecer.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram 

“Sim, quero fazer mais uma luta e depois eu me aposento”, disse Demian ao MMAFighting após o card deste final de semana.

Durante a semana, o veterano meio-médio disse que já tinha ideias de rivais que queria enfrentar no futuro, mas mantendo os nomes sob sigilo. Agora, pelo menos dois nomes já podem ser revelados: Diego Sanchez e Donald Cerrone.

“São dois caras que eu quero muito lutar. Um deles é o Diego Sanchez, que é uma luta que já peço para o UFC faz tempo e gostaria de lutar com ele porque é uma lenda. O outro cara é o Donald Cerrone, também seria bom porque ele tem uma vitória a mais do que eu no UFC”, declarou Demian Maia.

LEIA MAIS

Charles do Bronx vence e Durinho nocauteia Maia; confira todos os resultados do UFC Brasília

Dana White diz que programação do UFC seguirá mesmo com coronavírus

(Crédito da foto: Reprodução/Facebook UFC Brasil)