Técnico do Binacional estuda em detalhes elenco do São Paulo e estilo de Diniz

Em coletiva de imprensa, Flabio Torres aponta qualidades individuais e forma de jogar do Tricolor antes de estreia das equipes pela Libertadores

Patrick Monteiro
Repórter do Torcedores com passagens por: jornal O Fluminense (Niterói/RJ) e diário Lance. Comentarista e narrador na extinta Rádio Fluminense AM 540, onde apresentou os programas "Futebol Internacional" e "Jornada Esportiva". Ex-colunista do site Chelsea Brasil. Cobriu, in loco, a Copa do Mundo FIFA 2014, incluindo a grande final (Alemanha x Argentina), entre outros eventos, como Rio Open de tênis, Copa Brasil de Vela e Conmebol Libertadores.

Crédito: Divulgação/Facebook/Club Deportivo Binacional FC

Só falta o São Paulo. O futebol brasileiro está perto de repetir um feito que conseguiu pela última vez em 2003: ter 100% de vitórias na primeira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Internacional, Santos, Grêmio, Athletico Paranaense, Palmeiras e Flamengo já deixaram o gramado com os três pontos. Mas, se depender do técnico Flabio Torres, do Binacional, adversário do Tricolor nesta quinta-feira (5), a última página deste capítulo corre risco de não ser escrita.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Temos estudado que é uma equipe que se coloca no campo, às vezes, com um 4-2-3-1. Às vezes, se coloca em um 4-3-3. É uma equipe tecnicamente bem organizada, de futebol rápido, de toque de bola. Não é muito profunda, vertical, mas que todos possuem uma ótima saída”, analisou Torres, em coletiva de imprensa, completando em seguida: “O lateral-esquerdo (Reinaldo) e o lateral-direito (Igor Vinicius) fazem esse jogo. Tem laterais com muita saída, dois zagueiros fortes e de área, o Arboleda, equatoriano. Fizemos uma análise muito geral deles e estamos analisando todas as suas fortalezas”, detalhou.

Flabio também destacou as qualidades de atletas renomados e promessas do elenco tricolor: “Nós sabemos de suas referências, da importância de Daniel Alves como seu capitão. Sabemos de (Alexandre) Pato… São jogadores muito experientes, representativos. Além deles, tem mais jogadores com experiência e jovens também do futebol brasileiro com muita capacidade”, avaliou.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Na altitude de mais de 3.800 metros de Juliaca, no Peru, o São Paulo entra em campo às 21h (de Brasília). A partida marca a estreia das equipes no Grupo D da competição e acontece no estádio Guillermo Briceño Rosamedina.

Leia também:

Bola de vôlei é aposta para simular efeitos da altitude em treino de Tiago Volpi

São Paulo divulga imagem da nova camisa para temporada 2020

Está em dúvida sobre qual curso de faculdade escolher?