Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Garrincha, Ronaldo e mais: 7 brasileiros que entraram para a seleção da Copa do Mundo em duas edições seguidas

Apenas 7 atletas conseguiram a proeza

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Divulgação/ Botafogo

A história do Brasil em edições de Copa do Mundo é vasta e marcada por heróis nacionais. Alguns deles passam de uma Copa a outra e se superam em suas próprias participações.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Veja os 7 jogadores brasileiros que estiveram na seleção da Copa em duas edições seguidas:

Djalma Santos – 1954, 1958 e 1962
Bicampeão do mundo em 1958 e 1962, o ex-lateral também esteve na seleção da Copa de 1954. É o único a entrar em três seleções.

Didi – 1958 e 1962
O ídolo do Botafogo esteve nas seleções nos dois anos em que foi campeão.

Nilton Santos – 1958 e 1962
A Enciclopédia repetiu o feito de Didi, também ídolo do Botafogo.

Garrincha – 1958 e 1962
Outro ídolo do Botafogo que conseguiu feito idêntico foi Mané Garrincha, craque da Copa de 1962.

Dunga – 1994 e 1998
O capitão do tetra, em 1994, foi destaque também em 1998.

Roberto Carlos – 1998 e 2002
O lateral-esquerdo esteve nas finais da Copa de 1998 e 2002 e entrou em ambas as seleções.

Ronaldo – 1998 e 2002
Segundo maior artilheiro das Copas, Ronaldo também esteve em duas seleções.

Leia mais:
5 jogadores conhecidos no Brasil que se tornaram ídolos em países alternativos