‘Ilha da Luta’ do UFC deve ser inaugurada em julho, diz Dana White

Ilha particular servirá para eventos do UFC durante a pandemia do coronavírus

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reprodução

Uma das grandes movimentações do UFC, a chamada ‘Ilha da Luta’ (Fight Island) pode estar ficando perto de se tornar realidade. Segundo o chefão da organização, Dana White, tal empreendimento deve começar a funcionar já para o mês de junho.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram 

A tal ‘Ilha da Luta’ foi uma medida adotada pelo Ultimate para poder realizar eventos mesmo durante a pandemia do coronavírus. No caso, seria uma ilha particular a ser cedida à organização para cards ou sediar lutas de atletas que não podem viajar para os EUA.

“A ‘Ilha da Luta’ deve começar a funcionar em junho. Assim, poderemos fazer eventos internacionais já em junho. Em maio, do dia 9 ao dia 23, faremos quatro eventos e daí, em junho, poderemos fazer cards internacionais na ilha”, disse White em entrevista à ESPN.

Com a pandemia do coronavírus, diversos atletas que não moram nos Estados Unidos ficaram sem poder viajar para o país por causa das restrições de voo. Com isso, a tal ilha privada serviria para que estes lutadores possam lutar sem maiores problemas.

Enquanto isso, a cidade de Jacksonville, na Flórida, receberá três cards em praticamente uma semana, a começar pelo UFC 249, dia 9 de maio.

LEIA MAIS

Brasileiro do UFC relata situação em Londres devido ao coronavírus: “Cidade-fantasma”

Olympiacos corre risco de rebaixamento por acusação de manipulação de resultados