Auxiliar do Grêmio avalia condicionamento dos jogadores como “razoável” e revela participação à distância de Renato

Alexandre Mendes, auxiliar técnico do Grêmio, falou sobre as atividades do elenco gremista e o contato que mantém com o Renato Portaluppi, que cumpre isolamento no Rio de Janeiro

Gabriel Girardon
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Alexandre Mendes em treino do Grêmio nesta terça-feira (LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA)

O Grêmio realizou treinamentos em dois turnos nesta terça-feira (12) no CT Luiz Carvalho. O elenco gremista foi dividido em seis grupos de atletas, para não gerar aglomeração, tendo três deles realizado as atividades pela manhã e outros três à tarde.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

Após os trabalhos, Alexandre Mendes concedeu entrevista às mídias oficiais do clube. Com a ausência do técnico Renato Portaluppi, que segue em isolamento no Rio de Janeiro, é o auxiliar quem comanda os treinos. Ele comentou a volta dos jogadores aos trabalhos:

“Avalio da melhor maneira possível. Temos que viabilizar ao máximo para os atletas, para que não percam o condicionamento. Nós fizemos as testagens e estavam em nível razoável, claro que vai melhorar. O atleta que trabalha com nível de excelência precisa estar em atividade, da forma que for”.

Homem de confiança de Renato há alguns anos, o auxiliar revelou estar frequentemente em contato com o treinador. Segundo Mendes, pelo menos três vezes na semana. O comandante gremista, inclusive, participa da organização do clube nesse período, mesmo à distância.

“Ele procura saber de cada jogador, é muito rígido e estamos sempre o atualizando. Até quando a gente aumenta a intensidade ou inova qualquer tipo de trabalho. A participação dele é importante também no sentido de organização. Ele procura  interagir com o Departamento Médico e os profissionais que estão trabalhando diretamente com os jogadores para buscar o melhor para cada um”, destacou Alexandre Mendes.

LEIA TAMBÉM
Hoje técnico, Tcheco sonha em voltar ao Grêmio: “Quem sabe buscar os títulos que faltaram como jogador”