Marcos faz crítica a novo rodízio de carros implantado em São Paulo

Ex-goleiro usou mais uma vez as redes sociais para dar comentários sobre política

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação

Mais uma vez Marcos voltou a se pronunciar sobre assuntos ligados a política. Desta vez, o ídolo palmeirense publicou vídeo no Instagram criticando as novas medidas do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, de expandir o rodízio para conter a circulação de pessoas em meio a pandemia do coronavírus.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram 

No caso, a crítica de São Marcos tem referência ao fato de que a medida, em sua visão, poderia fazer com que as pessoas que não possam circular durante o rodízio usem em massa o transporte público e, assim, reduzindo os efeitos que a medida propõe.

“Estamos em quarentena, isolamento social. Aí, quando você precisa sair de casa, você pega seu carro e sai. Mas o pessoal teve a ótima ideia de mudar o rodízio, e aí tem dias que seu carro não pode sair. Nesse isolamento social, o que a gente vai fazer quando o nosso carro não rodar ? A gente vai usar o transporte público e viaja todo mundo junto? Baita ideia hein prefeito!”, disse Marcos na rede social.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

 

Ver essa foto no Instagram

 

Pra quem tem 2 ou mais carros tá tranquilo, cara, to ficando chato demais nessa quarentena! 😖 mente parada, oficina do capeta! 😬

Uma publicação compartilhada por MARCOS (@marcosgoleiro_12) em

A medida criticada por Marcos foi anunciada por Covas nesta quinta. O rodízio será expandido para toda a cidade de São Paulo e restringe ainda mais a circulação de carros. Carros com placar final ímpar só poderão circular em dias ímpares e placas com final par circularão apenas em dias pares. A medida começará a valer nesta segunda-feira (11).

LEIA MAIS

5 vezes que Bolsonaro fez analogias com futebol para justificar ações do governo

 

(Crédito da foto: Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação)