Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Por coronavírus, Neymar e Mbappé perdem mais de 20% dos seus valores; veja números

Estudo aponta que os jogadores das 10 principais ligas da Europa sofreram com a pandemia

Rogério Araujo
Jornalista formado pelo Centro Universitário de Brasília - UNICEUB. Colaborador do Torcedores desde 2017. Dono do canal Séries e Filmes no Instagram.

Crédito: Montagem Torcedores/Reprodução Instagram PSG

A crise causada pelo coronavírus vai impactar o mercado mundial. Com o futebol não será diferente. Neymar e Mbappé, por exemplo, perderam mais de 20% dos seus valores de mercado. É o que aponta o estudo feito pelo KPMG, divulgado nesta quarta-feira (6).

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

O estudo analisou mais de 4 mil jogadores que atuam nas 10 principais ligas da Europa. Incluindo as duas divisões da Inglaterra, Espanha, Alemanha, Itália, França, Holanda, Bélgica, Turquia e Portugal.

De acordo com o estudo, que analisou dois cenários, os 20 jogadores mais caros perderam em média 20% em valor de mercado caso a temporada seja cancelada. Já no cenário em que a temporada seja retomada e concluída, a queda é de 13%.

A perda de Neymar e Mbappé, os dois jogadores mais caros da Europa, é ainda maior. Hoje, o atacante francês está avaliado entre 177 e 188 milhões de euros, contra 225 milhões de euros estimado em fevereiro pela KPMG. Já o camisa 10 brasileiro estava avaliado em fevereiro em 175 milhões de euros, mas caiu para o valor entre 137 e 149 milhões, dependendo do cenário.

Lionel Messi, do Barcelona, perdeu entre 23,2% e 27,5% de seu valor, chegando em cerca de 127/134 milhões de euros. O argentino foi avaliado no mês de fevereiro em 175 milhões de euros.

LEIA MAIS: