Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

São Paulo conquistou seu primeiro título com direito a goleada na casa do rival

Liderado por Friedenreich, o São Paulo foi campeão pela primeira vez em “decisão” fora de casa com goleada por 4 x 1 sobre o rival; confira a ficha técnica

Adriano Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Arquivo Histórico do São Paulo FC

Embora ainda possa ser considerado “jovem”, com “apenas” 90 anos, o São Paulo é o time no Brasil com mais títulos internacionais. Mas a saga tricolor começou bem antes dos anos 30, no início do século passado, quando o futebol ainda engantinhava no país, oriundo da equipe mais vitoriosa da era amadora do esporte: o Club Athletico Paulistano.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

Fundado em 25 de janeiro de 1930, na mesma data do aniversário da capital do estado, O São Paulo Futebol Clube foi criado por simpatizantes e ex-atletas de duas agremiações: o Paulistano e a Associação Athletica das Palmeiras. E a primeira partida oficial aconteceu pouco menos de dois meses depois, em 16 de março, no empate sem gols diante do Ypiranga, na Chácara da Floresta, pela abertura do Campeonato Paulista.

Uma semana antes, durante o Torneio Início (competição de mata-mata em que todos os times se enfrentavam em um único dia, em jogos de 15 minutos, onde o número de escanteios era tido como critério de desempate), o clube apresentou seu uniforme aos torcedores: camisas brancas com as faixas vermelha, branca e preta na altura do peito, calções brancos e meias pretas.

Na primeira temporada, o time chegou próximo, mas não conseguiu o título, sendo vice-campeão estadual. No entanto, jogadores importantes como Arthur Friedenreich, Clodô e Luizinho, por exemplo, foram titulares em 60 jogos seguidos desde a estreia, o que fortaleceu o conjunto para as disputas posteriores.

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

O primeiro troféu com direito a goleada sobre o rival

Campeonato Paulista de 1931 (Foto: Arquivo Histórico do São Paulo FC)

Foto: Arquivo Histórico do São Paulo FC

Até que, em 10 de janeiro de 1932, veio a primeira conquista oficial do clube: o Campeonato Paulista de 1931, em jogo disputado diante do Corinthians. Em pleno Parque São Jorge, sob a arbitragem de Virgílio Friedrighi, o São Paulo goleou os donos da casa pelo placar de 4 x 1, com gols de Armandinho (duas vezes), Friedenreich e Araken Patusca, enquanto Guimarães descontou para a equipe alvinegra.

Embora o confronto decisivo tenha sido contra o Corinthians, a disputa pelo troféu se desenrolou com outros dois rivais, o Palestra Itália (atualmente Palmeiras) e o Santos, que terminaram a competição com apenas dois pontos atrás do São Paulo. O time do Parque São Jorge ocupou o sexto lugar na classificação final.

O Palestra liderou praticamente todo o campeonato, mas foi goleado pelo São Paulo na 21ª rodada por 4 x 0. O resultado deixou os dois clubes, mais o Santos, empatados na liderança. Abalados com o revés, os palestrinos foram novamente derrotados pelo Peixe na partida seguinte por 2 x 1 e, a partir daí, somente o time da Baixada Santista e o Tricolor passaram a brigar diretamente pelo título.

Na última rodada, o Santos estava a um ponto do São Paulo e enfrentaria o Juventus na casa do adversário. Em caso de triunfo santista e derrota são-paulina frente ao Corinthians, no Parque São Jorge, o Peixe ficaria com o título. Porém, com atuação brilhante, o Tricolor goleou por 4 x 1 e garantiu sua primeira conquista na história, sendo campeão paulista de 1931, feito que consagrou a vitoriosa equipe de Friedenreich, Luizinho, Araken Patusca, Armandinho e companhia.

O troféu de campeão paulista de 1931 conquistado pelo São Paulo (Foto: Rubens Chiri/ saopaulofc.net)

O troféu de campeão paulista de 1931 conquistado pelo São Paulo (Foto: Rubens Chiri/ saopaulofc.net)

Corinthians 1 x 4 São Paulo

Campeonato Paulista de 1931

Data e local do jogo: 10 de janeiro de 1932, no estádio do Parque São Jorge

Corinthians: Onça, Grané e Juvenal; Parras, Oswaldo e Munhoz; Filhote, Tony e Gambá; Bertoni e Guimarães; treinador: José de Carlo

São Paulo: Joãozinho, Clodô e Barthô; Milton, Bino e Sasso; Luizinho, Armandinho e Arthur Friedenreich; Araken Patusca e Junqueirinha; treinador: Rubens Salles

Gols: Armandinho (duas vezes, aos quatro e 27 minutos do primeiro tempo), Friedenreich (37 minutos do primeiro tempo) e Araken Patusca (19 minutos do segundo tempo) a favor do São Paulo; e Guimarães (aos dois minutos do segundo tempo) para o Corinthians

Árbitro: Virgilio Friedrighi

Público: 20.222 espectadores

LEIA MAIS

Você conhece tudo sobre a história do São Paulo? Faça o teste!

Hernanes jogou? E Antony? Você lembra da última escalação do São Paulo antes da paralisação?

Você lembra o placar desses jogos do São Paulo em 2020? Faça o teste!