Fórmula E anuncia retorno da temporada com seis corridas em agosto

Com aprovação da FIA, Fórmula E realizará seis eprix em nove dias na Alemanha

Antonio Carlos Junior
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Crédito: Cortesia da Fórmula E

Suspensa pelo surto de coronavírus após o ePrix de Marrequexe, Marrocos, a Fórmula E anunciou a retomada da temporada 2019/20 para o mês de agosto. Com a aprovação da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), a competição terá mais seis corridas, todas disputadas na Alemanha, entre os dias 5 e 13 de agosto.

O aeroporto de Tempelhoff, em Berlin, foi escolhido para encerrar a temporada atual, recebendo três rodadas duplas em nove dias no mês de agosto, nos dias 5, 6, 8, 9, 12 e 13. Cada rodada dupla usará um layout de pista diferente, apresentando oportunidades para estratégias distintas para os pilotos da Fórmula E.

“Desde que tomamos medidas para suspender nossa temporada em março, enfatizamos um calendário revisado que coloca a saúde e a segurança de nossa comunidade em primeiro lugar. Por isso estamos indo para o Aeroporto de Tempelhof em Berlim. O festival contará com três layouts de pista, apresentando um novo desafio e criando as condições para um clímax imprevisível e cheio de drama para a sexta temporada. A Fórmula E tem trabalhado incrivelmente duro nas últimas semanas para voltar a correr novamente em Berlim. Agradecemos à FIA, aos fabricantes, equipes e parceiros pelo apoio contínuo, a cidade de Berlim por sua cooperação e flexibilidade, e nossos fãs pela paciência”, comentou Jamie Reigle, Diretor Executivo da Fórmula E.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

A Fórmula E e a FIA têm trabalhado em conjunto com as equipes e autoridades locais para definir um plano completo para concluir o campeonato de maneira segura. Dentre as medidas adotadas está a realização das corridas sem presença de público, testes obrigatórios de coronavírus antes das corridas e exames diários após a chegada à pista.
De acordo com as diretrizes do governo alemão, haverá um número máximo de 1.000 pessoas no local, incluindo fornecedores locais e equipes médicas. A Fórmula E também aplicará ativamente o uso de máscaras faciais, distanciamento social e limitará o movimento nos espaços de trabalho com zonas claramente definidas para diferentes pessoas ligadas ao evento.
Com cinco provas já disputadas na competição de carros elétricos, o piloto português Antonio Felix da Costa, da DS Teechetah é o líder da FE com 67 pontos, apenas 11 pontos à frente do neozelandês Mitch Evans da rival Panasonic Jaguar Racing. António Felix da Costa tentará usar o final da temporada para conquistar seu primeiro título de Fórmula E, promovendo-o para a lista de honra dos campeões da categoria de carros elétricos, ao lado de seu companheiro de equipe e duas vezes campeão, Jean-Eric Vergne ( FRA).

LEIA MAIS

Há 25 anos, Senna corria pela última vez no Brasil; relembre a corrida