Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

5 jogadores conhecidos que disputarão a Série B pela Chapecoense

Chape reformulou elenco para a temporada 2020

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Aylon foi promessa do Inter (Pedro Vilela/Getty Images)

De volta ao Brasileirão Série B em 2020, a Chapecoense reformulou o elenco e mesclou experiência com juventude para a disputa da competição.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Em busca do acesso, veja 5 jogadores conhecidos e com passagens por grandes clubes brasileiros que disputarão a Série B pela Chapecoense:

Kadu
O zagueiro foi rebaixado com o Corinthians em 2007 e rodou por vários clubes desde então. Se destacou no Vitória e foi para o Grêmio em 2015, mas saiu para defender a Ponte Preta. Ficou dois anos no Goztepe, da Turquia, antes de voltar ao Brasil para defender a Chapecoense.

Ezequiel
O lateral se destacou no Criciúma e foi contratado pelo Cruzeiro em 2016. Bicampeão da Copa do Brasil em 2017 e 2018, saiu em 2019 para defender o Fluminense. Assinou com a Chapecoense em janeiro de 2020.

Paulinho
Revelado pelo Grêmio em 2013, era uma das grandes promessas do clube, mas teve problemas extracampo e foi cedido por empréstimo ao Londrina em 2014. Se destacou no time paranaense e retornou ao Grêmio poucos meses depois, mas foi pouco aproveitado. Passou por Coritiba, mais duas vezes pelo Londrina e assinou com a Chapecoense para a Série B.

Aylon
Revelado pelo Internacional em 2013, ficou ligado ao clube até 2017 e foi um dos destaques da Série B em 2016. Contratado pela Chapecoense em 2018, passou pelo Atlético-GO por empréstimo e retornou ao clube para 2020.

Anselmo Ramon
Revelado pelo Cruzeiro, estreou em 2011 e ficou no clube até 2014, quando saiu de vez. Ficou quatro temporadas no futebol chinês e voltou ao Brasil para defender Guarani e Vitória antes de assinar com a Chape em 2020.

Leia mais:
Treinadores, diretores e em clubes rivais: por onde andam os jogadores que conquistaram a Champions pela Inter de Milão em 2010?