Paul Scholes dispara contra diretoria do Manchester United por não ter contratado Haaland: “Bom, jovem e artilheiro”

Antes da contratação por parte do Borussia Dortmund, Manchester United também estava interessado em Haaland – e Paul Scholes queria a transferência

Willian Ferreira
Colaborador do Torcedores.com e contador de histórias do esporte.

Crédito: Twitter/Reprodução

Paul Scholes é um histórico nome do Manchester United. Integrante de famosa “Class Of 92”, grupo de jogadores revelado no ano em questão, ele fez ácidas críticas à diretoria do clube. Tudo por conta de um dos fenômenos atuais do futebol europeu. Trata-se de Erling Braut Haaland, centroavante do Borussia Dortmund. Em entrevista à BBC Radio 5 Live, ele detonou os diretores dos Red Devils.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

“Sim. Você sabe que, quando toda a conversa estava acontecendo, eu não o via muito. Mas depois que ele foi para o futebol alemão e eu o observei direito, pensei: ‘Por que o Manchester United não pagou apenas o que alguém quisesse por ele?’. Ele parece tão bom, ainda é jovem e é um artilheiro. Ele também é rápido, tem ritmo real. Ele é um garoto grande, está presente e marca gols – e isso não tem preço. Olhando para trás – e você sabe o que, ele ainda pode estar disponível, quem sabe, a tempo. Mas o United terá que pagar muito, muito dinheiro por ele. Mas e daí? Ele parece ser o verdadeiro negócio”, disparou Paul Scholes.

Paul Scholes jogou até 2011 no Manchester United, e voltou para a temporada 2012/2013. Entre 1997 e 2004, atuou na Seleção Inglesa – fazendo 66 jogos e marcando 14 gols.

O Manchester United era um dos clubes interessados em Haaland quando ele ainda atuava no Red Bull Salzburg. Ele, porém, acabou indo para o Borussia Dortmund – para desespero de Paul Scholes.

LEIA MAIS
Em rede social, Tottenham anuncia uniforme para temporada 2018/2019; veja
Harry Kane bate recordes em Tunísia x Inglaterra; saiba quais
Inglaterra x Croácia é elogiado no Twitter – e CBF é criticada