Reunião não define retorno do público aos jogos, mas Ferj promete “novas rodadas para ajustes”

Ferj deve seguir debatendo protocolo para o retorno dos torcedores aos estádios

Bruno Romão
23 anos, estudante de Jornalismo, amante da escrita, natural de Campina Grande (PB) e um completo apaixonado por futebol. Contato: bruno.romao.nascimento@gmail.com

Crédito: Alexandre Vidal/Flamengo

Em reunião nesta terça-feira (8), Ferj, Prefeitura do Rio de Janeiro e o Complexo Maracanã analisaram a possível volta do público aos jogos. Dessa forma, os órgãos analisaram diferentes pontos de vista, priorizando que o protocolo de biossegurança seja aplicado da melhor forma possível. Apesar de uma data não ter sido anunciada, novos encontros podem bater o martelo sobre a questão em breve.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

“O Protocolo de biossegurança para o retorno do público aos estádios de futebol foi debatido pela Prefeitura do Rio de Janeiro, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro e o Complexo Maracanã na tarde desta terça-feira (08/09). Vários pontos foram colocados à mesa.Novas rodadas para ajustes dos cuidados estão previstas também com a presença de todos os órgãos envolvidos numa partida de futebol”, afirmou a entidade.

Acompanhe as notícias do seu time pelo Facebook

Por enquanto, os duelos envolvendo os times do Rio de Janeiro seguem com portões fechados. Porém, caso a autorização seja concedida pelas autoridades, os torcedores podem voltar aos estádios nos próximos meses. Mesmo assim, medidas como distanciamento social, uso de máscaras e álcool em gel, utilizados na prevenção contra a pandemia, devem ser reforçados nos palcos dos jogos.

Em caso do parecer ser concedido, o Maracanã, por exemplo, poderia receber cerca de de 25 mil torcedores em cada partida. Isso porque só deve ser liberado 1/3 da capacidade do estádio.

LEIA MAIS

FERJ cobra R$17 mi da Globo e acusa emissora de má-fé, diz blog

CBF acata pedido de Globo e Turner e jogos do Brasileirão às 20h de domingo serão recorrentes