Cruzeiro: Ney Franco espera que Fifa libere time para registrar jogadores

Raposa tentará nesta semana reverter punição por não pagamento de dívida

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro

Por causa de uma dívida não paga com o Zorya Luhansk (UCR) pelo atacante Willian, o Cruzeiro não poderá registrar jogadores. Com alguns reforços à espera, a Raposa espera que tudo isso se resolva nos próximos dias.

O técnico Ney Franco afirmou que vê a possibilidade do fim da punição da Fifa para que o clube ter, finalmente, a chance de usar atletas que já estão treinando e integrados ao elenco mas, que pela própria pena, não podem ainda jogar a Série B.

“Existe a possibilidade de a gente resolver nesta semana a pendência na Fifa, para que a gente possa ter à disposição o Giovanni, o Zé Eduardo, o Matheus Índio e o Ângulo também. Assim, a gente pode ter mais opções no elenco pra ter briga de posição até no banco de reservas”, disse Ney segundo o Uol Esporte.

Um recurso na Corte Arbitral do Esporte (CAS) foi feito pelo Cruzeiro para tentar conquistar o direito de inscrever os atletas e até seguir se reforçando para a disputa da Série B, da qual o time segue vivendo situação complicada após a derrota para o Cuiabá.

LEIA MAIS

Globo aumenta preço de pacote para anunciantes do futebol em 2021

Mercado da bola: Bayern de Munique perto de acertar volta de Douglas Costa

(Crédito da foto: Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro)