Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Flamengo X Atlético-PR: veja o relato da partida

Flamengo e Atlético Paranaense enfrentaram-se no Maracanã pelo Campeonato Brasileiro neste domingo (4). Leia o relato do jogo

Joao Gabriel Tavares
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/CBF

Em jogo válido pela 13ª rodada do Brasileirão 2020, time do Flamengo deu o ponta pé inicial.

Após erro de zagueiro do Flamengo, atacante do Atlético chuta na trave. Alguns minutos depois, Flamengo ganha falta na lateral de fora da área. Após cobrança de Arrascaeta, Pedro pega mal na bola e chuta para fora.

O jogo segue bastante corrido, com tensões para ambas as equipes. A equipe carioca realizava boas jogadas entrando pelo lado esquerdo do campo do adversário, principalmente com Arrascaeta.

Nos rápidos contra-ataques, os zagueiros ficaram com trabalho dobrado. Em tentativa de impedir o contra-ataque adversário, Richard faz falta clara impedindo o avanço dos adversários.

Uma jogada armada pelo Flamengo também no lado direito do campo quase termina em gol. Na sequência, juiz marca pênalti após Gabriel Noga derrubar Carlos Eduardo na entrada da área. O lance vai para o VAR, que indica falta fora da área. Kayser bate, mas Hugo espalma para fora.

Em rápida tabela na cabeça da área, Bruno Henrique é derrubado. Arrascaeta cobra à esquerda do gol de Santos, que espalma para a lateral.

Num rápido toque da equipe carioca, a bola termina com Vitinho, que chuta longe do gol. Em lance posterior, Vitinho chega pela esquerda da zaga adversária e bola termina para escanteio.

Na subida do contra-ataque do Furacão, Filipe Luís faz falta e recebe cartão amarelo. No lance seguinte, Arrascaeta cruza de dentro da área.

Bruno Henrique fura e atrapalha Vitinho que estava ao lado. Final do primeiro tempo: 0 x 0. A equipe carioca manteve 55% da posse de bola. Já em número de faltas, o Furacão teve duas a mais (12:10).

Na volta para o tempo final, Everton Ribeiro, no lugar de Vitinho, chuta no ângulo direito. Santos espalma para escanteio. A equipe carioca pressiona mais, deixando o contra-ataque para o Furacão.

Após falta para a equipe paranaense, o Flamengo reage. Avançando pelo campo adversário, a equipe pressiona. E o Atlético responde, mas bola volta para os cariocas, terminando com Pedro balançando a rede de Santos. Flamengo 1 X Atlético-PR 0.

Após o gol, o Flamengo, melhor após o intervalo, realiza novo ataque. Em chute de Bruno Henrique, o zagueiro Léo Gomes deixa o braço. Juiz marca pênalti. Na cobrança, Bruno Henrique bateu no canto de Santos, que acertou o lado, mas a bola, forte, entrou. Flamengo 2 X Atlético-PR 0.

Flamengo seguirá jogando melhor no jogo, atacando mais, diferente do primeiro tempo, mais equilibrado. O jogo fica mais agitado, com os nervos aflorando.

Na sequência de cobrança de falta, Renato Kayzer chega de cabeça na bola. A bola ainda dá um quique no gramado antes de entrar no gol de Hugo. Flamengo 2 X Atlético-PR 1.

Perdendo, o Atlético se recupera na partida, conseguindo mais posse de bola. Ambas as equipes mostram-se mais cansadas, aumentando o distanciamento entre os jogadores. As jogadas são montadas, mas os jogadores, por vezes, não acompanham.

Numa dessas jogadas, sai o terceiro gol do Flamengo, com Everton Ribeiro chutando na direita do gol do Atlético. A bola chegaria a se desviar no zagueiro atleticano, enganando Santos. Flamengo 3 X Atlético-PR 1.

Flamengo se recupera, com muitas jogadas alcançando a área adversária. Lances perigosos, que poderiam levar a mais um gol para a equipe carioca. O Atlético corre atrás, mas o Flamengo, melhor na partida, desarma grande parte das jogadas.

Com a vitória, o Mais Querido avança à quarta posição. Enquanto o Atlético-PR cai à 11ª. Agora, os rubro-negros do Rio de Janeiro aguardam o resultado de Atlético-MG X Vasco. Essa será a última partida da rodada deste domingo (4). Uma possível vitória do Vasco poderia fazer com que o Flamengo caia para a quinta posição. Feito algo difícil no entanto. O Atlético Mineiro é o primeiro no campeonato e joga em casa.

LEIA MAIS

Tite convoca Ederson para a vaga do lesionado Alisson

Cicinho critica implantação do “sistema europeu” em território nacional: “Futebol brasileiro entrou em decadência”

 

As melhores notícias de esportes, direto para você