Dome ironiza perguntas sobre erros defensivos no Flamengo após derrota

Rubro-Negro foi derrotado pelo São Paulo por 4 a 1 neste domingo (1/11) no Maracanã

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Alexandre Vidal/CRF

O Flamengo não conseguiu terminar o primeiro turno do Campeonato Brasileiro na liderança isolada ao ser derrotado pelo São Paulo no Maracanã por 4 a 1. E o técnico Domènec Torrent se mostrou irritado com perguntas sobre erros na defesa.

O treinador flamenguista demonstrou não gostar de supostas insinuações sobre problemas na defesa na derrota para o Tricolor paulista, referindo-se que o time também jogou com o mesmo sistema quando venceu por 5 a 1 o Flamengo,

“Concordo plenamente com este senhor (se referindo ao repórter), ele já falou que foram falhas do sistema e que o sistema é muito ruim.  Se querem falar sobre isso, concordo com você. Perdemos os erros por erros individuais, mas também por erros defensivos”, declarou Dome.

Apesar da derrota, que não fez o Flamengo ficar na primeira posição do primeiro turno de forma isolada, Dome também viu no Rubro-Negro. E que a derrota foi resultado de um time que, por completo, não conseguiu demonstrar o domínio de outros jogos.

“Erramos defensivamente e ofensivamente. Não podemos falar só nos erros da defesa. É uma derrota dolorosa para o time, podemos ir para a liderança. Temos um jogo em dias (contra o Athletico Paranense, pela Copa do Brasil)  e temos que nos concentrar nisso. É uma pena, foi um  jogo atípico. Erramos o pênalti e tomamos o gol aos 45 minutos. E ainda erramos outro pênalti. Uma pena”, disse.

LEIA MAIS

Rafinha relembra “arranca rabos” com Jorge Jesus no Flamengo, mas afirma: “É um cara nota mi

Flamengo x São Paulo: assista aos gols da partida pelo Brasileirão

São Paulo de Diniz goleia e Flamengo sofre com piadas; veja os memes

Torcedores do Flamengo detonam Gustavo Henrique após atuação pífia contra o São Paulo