Santos vê acordo por dívida de Soteldo emperrar e terá de renegociar

Clube alega que Huachipato fez novas exigências ao Peixe para acertar o fim da dívida com o clube chileno

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/ Santos

O Santos pode ver um acordo que fez para encerrar uma das dívidas que tem ficar complicado. Segundo o Globoesporte.com, um problema surgiu no acerto do Peixe com o Huachipato (CHI) pelo pagamento referente à negociação do atacante Soteldo e forçará o clube a refazer tal acordo.

De acordo com o presidente santista, Orlando Rollo, o clube chileno teria feito novas exigências ao Santos para encerrar o débito com o clube, que gira em torno de US$ 7,2 milhões (R$ 40 milhões) e está na Fifa .E  que isto forçará o clube a renegociar o acerto.

“Chegamos a trocar minutas, mas o clube chileno, por meio do advogado deles, fez novas exigências fora do acordo que havia sido aprovado no Conselho. O futebol é mesmo dinâmico. Quando chegou a nova minuta, voltamos a negociar e tentamos um acordo com o que foi negociado anteriormente, Houve avanços nestes dias e ainda faltam questões burocráticas”, declarou Rollo.

Acompanhe as notícias do seu time do coração pelo Facebook

Em outubro, o Santos teve através de seus conselheiros a aprovação de um plano para pagar a dívida com o Huachipato. No acordo, 50% dos direitos econômicos de Soteldo seriam cedidos ao time chileno por US$ 3,55 milhões (R$ 20 milhões ) e este ficaria com a totalidade dos direitos. Em troca, o Peixe ficaria com o jogador e teria a dívida encerrada,

Não há informação do que os chilenos desejavam mudar no acordo original com o Peixe para acertar o fim da dívida com os paulistas.

LEIA MAIS

Santos deve fazer reunião na próxima semana para negociar Veríssimo

(Crédito da foto: Divulgação/ Santos)