Torcedores – Notícias Esportivas

Khabib descarta revanches contra Poirier e McGregor: “Já os venci”

Em coletiva para anunciar nova organização de MMA, russo disse que seguirá aposentado, mas deixa porta aberta para possível retorno

Victor Martins
Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.Antes trabalhei para a GG12 (empresa de prestação de serviços de conteúdo para sites), prestando serviços para sites como Federação Paulista de Futebol, Chico Lang, 10dofutebol, Milton Neves, Rádio Capital e outros,

Crédito: Divulgação/Facebook UFC Brasil

Khabib Nurmagomedov anunciou sua aposentadoria após vencer Justin Gaethje em outubro. Em que pese os esforços de Dana White em convencê-lo a voltar atrás na decisão, o russo parece muito bem claro com o propósito de não mais querer lutar.

Nesta semana, o campeão dos leves do UFC deu entrevista coletiva para anunciar que será dono de uma organização de MMA na Rússia, a Eagle Fighting Championship. Ao ser perguntado se iria reconsiderar sua decisão de se aposentar face à pressão de Dana White, o lutador voltou a reafirmar que não tem mais vontade de subir ao octógono.

“Vai ser difícil o Dana me surpreender. Há muitas questões sobre se irei competir de novo ou não, mas não acho que tenho planos disso”, disse Khabib segundo o site MMAJunkie.

Dana White declarou que irá se reunir com o lutador para discutir o futuro. Uma das possibilidades para continuar sua carreira seria encarar o vencedor da luta entre Conor McGregor e Dustin Poirier, que se enfrentam em janeiro. Mas nem essa possibilidade atrai o russo para seguir lutando. A menos que haja uma proposta bastante vantajosa.

“(Lutar com Dustin ou Conor) Pra quê? Já venci os dois! Não existe nenhum interesse esportivo nisso. Os finalizei, os dois eram os campeões e eu os venci. Há um provérbio aqui que diz que cavalos não correm até que os burros vençam. É porque burros não disputam corridas em que cavalos estão. Não tenho interesse em lutar com nenhum dos dois. Imagine se o UFC me oferecesse US$ 100 milhões. Já seria um problema, mas não há nada em termos esportivos para aceitar”, disse Khabib.

LEIA MAIS

Charles do Bronx pleiteia ‘title shot’ se vencer Tony Ferguson

(Crédito da foto: Divulgação/Facebook UFC Brasil)