Ceará tem duas baixas contra o Athletico; veja a provável escalação

De olho no G7, Ceará recebe o Athletico-PR

Eder Bahúte
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Israel Simonton/Ceará

Ceará x Athletico-PR se enfrentam neste domingo (31) às 16h (de Brasília), na Arena Castelão, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Após garantir a permanência na Série A, em 2021, o Vozão tentará nestes últimos seis jogos uma vaga na Copa Sul-Americana.

Escalação do Ceará contra o Athletico-PR

Além da competição sul-americana, o Vozão possui chances de beliscar, inclusive, uma lugar entre os sete primeiros colocados. Neste momento, a diferença para o Fluminense, que hoje estaria na pré-Libertadores é de apenas cinco pontos.

Para a partida de logo mais, o técnico Guto Ferreira não poderá contar com Charles, que cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Eduardo, expulso na rodada passada também será baixa diante dos paranaenses. O Furacão, em caso de vitória ultrapassa os cearenses, o que faz deste embate o famoso ‘jogo dos seis pontos’.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

– Eu vejo que as duas equipes vão buscar seus objetivos individuais. Vamos encarar como um jogo de seis pontos e o Athletico também vem em busca da vitória. Acredito que vai ser uma partida muito difícil, mas sabemos que em casa temos condições. Temos que ter sabedoria e saber que os detalhes vão fazer diferença – avalia Fabinho.

A provável escalação do Ceará diante do Athletico é a seguinte: Richard, Samuel Xavier, Tiago, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral e Vina; Lima, Léo Chú e Cléber

Ficha técnica: Ceará x Athletico-PR

Motivo: 33ª rodada do Campeonato Brasileiro

Data: 31/01/2021

Horário: 16h (de Brasília)

Local: Arena Castelão

Onde assistir: TNT

Arbitragem

Árbitro: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC); Assistentes: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Fabiano da Silva Ramires (ES); VAR: Gilberto Rodrigues Castro Jr. (PE).

Escalações

Ceará: Richard, Samuel Xavier, Tiago, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral e Vina; Lima, Léo Chú e Cléber. Técnico: Guto Ferreira

Athletico: Santos; Khellven, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Richard, Christian, Fernando Canesin e Carlos Eduardo; Nikão e Kayzer. Técnico: Paulo Autuori