Ceará x Athletico: Saiba como assistir ao jogo do Brasileirão AO VIVO

Ceará x Athletico se enfrentam às 16h em partida válida pela 33ª rodada do Brasileirão

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial Ceará

A 33ª rodada do Campeonato Brasileiro se inicia neste domingo (31). Um dos duelos é Ceará x Athletico, marcado para às 16h. Quem quiser ver a partida, o Torcedores.com mostra como ver o jogo AO VIVO.

A partida entre Ceará x Athletico será transmitida apenas na TV paga pela TNT, que detém direitos de transmissão dos dois times, mas este jogo não será exibido para o Ceará.

Este jogo seria às 19h, mas o incêndio no Castelão forçou a antecipação do jogo para evitar uso excessivo da iluminação do estádio e prevenir mais danos. O Ceará agora luta pra poder encostar no que se tornou G-7, com a vitória do Palmeiras na Libertadores em cima do Santos, sendo o oitavo colocado, com 45.

Seu time maltrata seu coração? 

Deixa que o Clude cuida dele para você!

Dentro de campo, Guto Ferreira não deve fazer mudanças na equipe, mantendo a mesma formação da partida contra o Palmeiras. A equipe do Vozão não tem desfalques em seu time titular, apenas com os reservas Charles e Eduardo fora por suspensão.

Em 12º colocado, com 42 pontos, o Athletico Paranaense já tem alguma distância da zona de rebaixamento e o objetivo do Furacão deve ser brigar para se garantir na próxima Copa Sul-Americana. E tentar não passar mais sufoco.

Paulo Autuori chega para este jogo sem Christian, que foi vetado da partida devido a dores no joelho, este com Alvarado e Léo Cittadini disputando a vaga. Outro que não joga é Jonathan, suspenso. Neste caso, é Khellven a jogar pela lateral-direita

Confira as prováveis escalações de Ceará x Athletico 

Leitor torcedor cuida da saúde pagando pouco!

Ceará

Richard; Samuel Xavier, Tiago Pagnussat, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral e Vina; Léo Chú, Lima e Cléber

Técnico: Guto Ferreira

Athletico Paranaense

Santos; Khellven, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Richard, Léo Cittadini (Alvarado), Fernando Canesin e Carlos Eduardo; Nikão e Renato Kayzer

Técnico: Paulo Autuori