Emprestado pelo Grêmio, Léo Chú rouba a cena no Ceará e vira líder em ranking do Brasileirão: “Trabalhe em silêncio”

Jovem atacante Léo Chú, de 20 anos de idade, tem sido uma das revelações do atual Brasileirão

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Felipe Santos/Ceará

Se for precisar de um atacante de beirada de campo para a próxima temporada, o Grêmio não precisará garimpar o mercado nem investir milhões. Tem em Léo Chú, emprestado ao Ceará até o fim do Brasileirão, uma ótima alternativa de elenco e com atuações de qualidade mesmo com apenas 20 anos.

Neste domingo, ele voltou a roubar a cena ao dar a assistência para o gol de Vina, diante do Flamengo, no Maracanã. Superior, o Ceará surpreendeu a equipe de Rogério Ceni fora de casa por 2×0.

E Chú, por sua vez, se afirmou como o recordista de assistências no Brasileirão entre os jogadores de até 23 anos, com cinco passes diretos para gol:

Através de sua conta oficial no Twitter, o atleta celebrou a boa fase e citou um dos seus trunfos para o bom momento:

“Trabalhe em silêncio, deixe que o sucesso faça o barulho”, publicou.

Grêmio trabalha com a ideia de ter Léo Chú em 2021

Em entrevista concedida à GrêmioTV em dezembro, o presidente Romildo Bolzan Jr não apenas elogiou o jovem como projetou o seu reaproveitamento no clube a partir da próxima temporada:

“O Léo Chú está muito bem no Ceará. Temos a perspectiva de retorno. É o tipo de jogador que vem pra cá e será aproveitado. Já tem muita gente aqui, temos que dar tempo para ele ser mais jogador de futebol e ter condição de titularidade”, comentou o mandatário.

Chú, vale lembrar, foi destaque na conquista do Grêmio na Copa Ipiranga Sub-20 de 2019, e renovou até 2024 antes de ser cedido por empréstimo ao Ceará.