Felipão diz que Boca Juniors tem seu ‘DNA’ e afirma: “Gostaria de ir para mais uma Copa”

Em entrevista, Felipão ressaltou que não parou de trabalhar e aguarda propostas para definir o próximo trabalho

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.

Crédito: Getty Images

Após deixar o Cruzeiro com o objetivo alcançado, Felipão ressaltou nesta sexta-feira (12) que não se aposentou do futebol. Alvo do futebol sul-americano durante 2020, o comandante revelou que ainda não recebeu uma oferta para definir o seu futuro.

Leia mais: Felipão diz que Europa “não tem nada melhor” que o Brasil e defende Neymar

Em entrevista ao canal TNT Sports, no Youtube, Felipão relembrou que já foi alvo do Boca Juniors. O acordo não foi para a frente por conta da política do clube argentino. “Eu iria de olhos fechados. É um clube que tem o DNA do Felipão. É aquela vibração, entusiasmo, aquela vibração maravilhosa. Mas não deu”, comentou.

“Tem sido falado (que foi sondado por seleções e clubes na América do Sul), mas não têm dado prosseguimento. Vamos ver o que vai acontecer. Gostaria de ir a uma Copa do Mundo novamente? Claro. Surgiu o interesse de uma seleção do Oriente Médio, mas não se teve sequência. Pode ser que a gente continue no Brasil, pode ser que a gente saia. Mas eu vou continuar trabalhando”, disse Luis Felipe Scolari.