Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ex-Vasco relembra parceria com Romário e demissão de Oswaldo de Oliveira antes de final

Ex-Vasco, Euller, jogou de 2000 a 2001 no time carioca

Carlos Lemes Jr
Colaborador do Torcedores.com.Jornalista formado, desde 2012, e no Torcedores, desde 2015. Matérias exclusivas pelo site publicadas nos portais IG, MSN e UOL.

Crédito: Divulgação

Se a situação do Vasco não é das melhores, atualmente, no começo dos anos 2000, o clube tinha um grande time. E nesse elenco, a dupla de ataque era formada por Euller e Romário.

“Eu abri mão de propostas maiores para jogar ao lado do Romário no Vasco. Apesar de não ser um camisa 9 ele foi o melhor que eu joguei. A gente casava muito bem.”, confessou Euller ao canal Vamo Pro Jogo.

A dupla conquistou um dos títulos mais emblemáticos da história cruzmaltina: a Copa Mercosul de 2000. Aquela conquista ficou marcada pela troca de Oswaldo de Oliveira por Joel Santana, antes da final, contra o Palmeiras.

“Foi um risco muito grande (a troca). Porque o Oswaldo tinha os atletas na mão e tinha o respeito de todo grupo. Tivemos um grande baque”, relembra o ex-atacante.

“No dia seguinte a demissão, estavam todos muito abatidos em São Januário. Era 99% de chance de colocar o trabalho de todo aquele ano a perder”, continua na mesma entrevista.

Euller contou também a tática usada por Joel Santana, quando chegou para falar com os jogadores.

“Ele quebrou a tristeza. Todos nós estávamos muito apreensivos e o Joel veio com o carisma dele. A partir daí, colocou o grupo para cima”, finaliza, o ex-Vasco.

Além da Copa Mercosul, com a camisa do time carioca, Euller foi campeão da Copa João Havelange, também em 2000.

LEIA MAIS

Fluminense x Vasco: saiba como assistir ao jogo do Campeonato Carioca AO VIVO

Vasco terá reforços e desfalques para encarar o Fluminense; veja a provável escalação

Mercado da Bola: Vasco confirma contratação de atacante ex-São Paulo

As melhores notícias de esportes, direto para você