Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Castellanos reforça desejo de jogar pelo Palmeiras e pede para não atuar mais pelo New York City

Castellanos atuou nos dois primeiros jogos da MLS nesta temporada e marcou dois gols

Danielle Barbosa
Jornalista. Escrevendo para o Torcedores desde 2014.

Crédito: Divulgação/New York City

O Palmeiras segue negociando junto ao New York City, dos Estados Unidos, a liberação do atacante Valentín Castellanos. O clube Alviverde já tem um acordo com o jogador argentino, mas depende agora da equipe americana, que reluta em liberar o único centroavante disponível em seu elenco. Diante desse impasse, o próprio atleta se manifestou e pediu para não atuar mais pela equipe.

Castellanos fala sobre negociação com Palmeiras e garante: “Clube gigante em que gostaria de jogar um dia”

Segundo o ‘ge’, Castellanos reforçou sua intenção de se transferir para o Palmeiras e comunicou a diretoria do New York City que não deseja mais jogar pelo clube. O atacante, que já havia manifestado o interesse em vestir a camisa Alviverde, vê a possibilidade de atuar no futebol brasileiro como um passo importante na carreira, além de ser uma oferta melhor financeiramente.

O Palmeiras já foi informado do pedido do atacante para não atuar até o fim das conversas. A medida pode acelerar o processo de negociação com o Verdão e ainda reduz a chance do atleta de 22 anos se machucar em uma partida durante as tratativas.

Vale lembrar que o Palmeiras tem até o dia 23 de maio, última dia de janela de transferências internacionais, para conseguir selar a negociação. Após essa data, o clube só poderá utilizar jogadores contratados do exterior a partir de 1º de agosto, quando a janela será reaberta. Nesse caso, Castellanos não poderia ser utilizado nas oitavas de final da Libertadores, caso o Verdão se classifique, e nem na disputa da 3ª fase da Copa do Brasil.

A proposta do Palmeiras:

A última proposta feita pelo Palmeiras ao New York City foi de 4 milhões de dólares (cerca de R$ 22,5 milhões na cotação atual) por 70% dos direito econômicos do jogador, segundo informou inicialmente o site Goal. O pagamento será dividido em quatro parcelas, com início do pagamento previsto apenas para 2022.

O Palmeiras já havia feito duas propostas antes: a primeira por empréstimo com opção de compra, e a segunda para aquisição imediata, mas os valores iniciais não agradaram o clube americano – por isso, o Verdão aumentou a oferta.

As melhores notícias de esportes, direto para você

    

 

LEIA MAIS:
Retorno de Dudu pode ajudar o Palmeiras a atender pedido de Abel Ferreira por reforço para o ataque

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes