Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Da Champions ao Mundial de Rugby: como assistir jogos fechados com VPN

Plataforma possibilita que torcedor fuja das restrições geográficas e tenha acesso a competições de outros países sem problemas

Redacao Torcedores
Colaborador do Torcedores

Crédito: Thomas Serer-Unsplash

O brasileiro gosta muito de esportes, sobretudo futebol. Ao longo de uma temporada completa, torcedores podem se deliciar com campeonatos estaduais, nacionais e continentais. Estão nessa lista o Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Taça Libertadores da América, entre outras competições.

Para quem não gosta de futebol, há uma gama de outros esportes, como basquete e vôlei. Em algumas ocasiões, portanto, o interesse do brasileiro extrapola os limites nacionais para tentar assistir aos eventos esportivos em outros países. Mas isso nem sempre é fácil devido às barreiras tecnológicas e comerciais de alguns canais de TV.

Por exemplo, você sabia que a plataforma BBC iPlayer transmite uma variedade de eventos esportivos ao vivo, mas você só pode fazer stream deles se estiver no Reino Unido. Isso acontece com outros canais de mídia igualmente famosos, como CBS, ESPN e FOX Sports. Mas há uma saída prática e acessível para quase todo mundo: utilizar uma VPN. 

VPN é a sigla para Virtual Private Network, que em português significa “Rede Privada Virtual”. Essa ferramenta, tida como fundamental para garantir a segurança das informações pessoais na internet, ainda é desconhecida pela maioria dos usuários. A VPN permite o tráfego de dados de forma segura, assim como o acesso remoto a recursos de uma rede local, ainda que você não esteja fisicamente conectado à rede. Uma ferramenta como Express VPN tem sido muito utilizada em diversos países. 

Por esse motivo, muitos usuários utilizam redes VPN para ter acesso a canais de TV que estão fora dos limites geográficos de um determinado país. Como assim? Bom, você pode estar no Brasil e ter acesso aos canais transmitidos nos Estados Unidos, por exemplo.

A maioria dos grandes eventos esportivos, a Copa do Mundo, o Tour de France, Wimbledon e US Open, para citar alguns, estão sendo transmitidos ao vivo gratuitamente. No entanto, o problema é que, na maioria dos casos, os eventos são restritos geograficamente. Então, você precisa estar em um país específico para assisti-los.

Via de regras, as VPN’s oferecem velocidades de Internet rápidas, algo crucial se você quiser assistir a esportes ao vivo com um fluxo de alta qualidade ao usar uma VPN.Isso garante que você permaneça conectado de maneira confiável e consistente quando estiver conectado a qualquer servidor. De qualquer forma, você não deseja que a conexão comece a fazer buffer enquanto assiste a um jogo empolgante.

Existem serviços de redes privadas pagos, oferecendo uma série de ferramentas e funções essenciais, robustas o suficiente para garantir a confidencialidade dos dados e números de IP fora das listas de bloqueio. Já uma VPN gratuita não é totalmente livre de encargos, ainda que sua proteção seja satisfatória na maioria dos casos.

Algumas dicas para escolher a sua VPN são importantes. Identifique quantos servidores estão disponíveis e onde eles estão localizados. Esse fator pode ser preponderante ao acessar conteúdo com restrição geográfica. É sempre bom saber quantas conexões são permitidas, para o caso de conexões que envolvam PC, celular e tablet, por exemplo.