Felipe Melo minimiza ‘rusgas’ com dirigente do São Paulo e exalta ‘futebol raiz’: “Sou do tempo do Edmundo”

Felipe Melo ainda destacou a entrega dos jogadores e admitiu chateação pelo empate, mas reforçou que clássico se decide em detalhes

Danielle Barbosa
Colaboradora do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/SporTV

Capitão do Palmeiras, o volante Felipe Melo se envolveu em um bate-boca com um dirigente do São Paulo na saída para intervalo do clássico contra o Tricolor, válido pela primeira partida da decisão do Campeonato Paulista e que terminou com um empate sem gols. Em entrevista após o apito final, o camisa 30 tratou de minimizar qualquer ‘rusgas’.

“Sem isso (rusgas), não é futebol. Diretor do São Paulo gritando, diretor do Palmeiras gritando. Faz o futebol bonito. Sou do tempo de Edmundo aqui no Palmeiras… Sabiam vender o espetáculo. Hoje tem muito mimimi. Clássico é bonito dessa forma. Futebol raiz”, disse Felipe Melo em entrevista ao SporTV.

Segundo relato do repórter André Hernan, da TV Globo, ao deixar o campo em direção ao túnel que dá acesso ao vestiário após o fim do primeiro tempo, Felipe Melo retrucou algumas provocações de um diretor do São Paulo – que não foi identificado durante a transmissão. O jogador do Verdão chegou a afirmar que a partida estava sendo disputada na casa palmeirense.

Quem chega e quem sai dos clubes?

 

Ainda de acordo com Hernan, ao perceber o clima tenso, o goleiro Weverton foi conversar com o árbitro Flávio Rodrigues para pedir mais atenção com relação ao comportamento dos são-paulinos com o volante.

Sobre o jogo, Felipe Melo destacou a tensão por se tratar de uma final. “A gente jogou contra uma das melhores equipes da América do Sul. É clássico, se decide em detalhes. Há de ressaltar nossa entrega em campo, nosso trabalho tático, é muito difícil jogar contra um time que toca bem a bola. Mas está tudo aberto. É normal numa final, ainda mais em clássico, um empate. Saímos chateados porque queríamos vencer, mas como já fizemos em outros carnavais, podemos fazer um bom resultado lá”, disse.

O campeão do Paulistão 2021 será definido no próximo domingo, dia 23, às 16h (de Brasília), no estádio Morumbi – com o empate sem gols no primeiro jogo, quem vencer a partida, independente do placar, fica com a taça. Em caso de empate, a decisão será na disputa de pênaltis.

LEIA MAIS:
Palmeiras pode faturar até R$ 7,5 milhões em premiações caso seja campeão do Paulistão 2021
+ Palmeiras e São Paulo fazem jogo truncado, sem muitas emoções e empatam sem gols na final do Paulistão

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes