Mercado da bola: Galiotte abre o jogo sobre situação de Dudu e data para ele voltar ao Palmeiras

Jogador vive a expectativa de resolver sua situação com Al-Duhail

Rogério Araujo
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

O presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, negou que o clube poderá negociar com Al-Duhail pela venda de Dudu. O mandatário do Verdão quer o valor acertado em contrato (6 milhões de euros). O clube árabe tem até este sábado (15 de maio) para avisar o alviverde se vai exercer a cláusula de compra dos 80% dos direitos do jogador brasileiro.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Se o Al Duhail não oficializar por escrito até o dia 15 de maio que vai exercer o direito de compra do jogador, Dudu volta a ser atleta do Palmeiras a partir de 01/07, quando termina o contrato de empréstimo dele. O Palmeiras não irá aceitar negociar ou parcelar o valor pré-estabelecido em contrato”, disse Galiotte ao blog do Danilo Lavieri, do site Uol Esporte.

Nos EUA passando férias, Dudu tem contrato de empréstimo com o Al Duhail até o fim de junho. No entano, o time só retorna às competições oficiais em setembro. Em sua passagem até agora no clube do Catar, Dudu fez 36 jogos, marcou 15 gols e deu 17 assistências.

Ainda sem a definição da situação de Dudu, o Palmeiras entra em campo hoje (14), contra o Red Bull Bragantino, às 19h30 (de Brasília), pelo Campeonato Paulista.

LEIA MAIS: