NHL Playoffs: Jets vencem Oilers no terceiro tempo-extra e varrem rival

Já com um terceiro tempo-extra em disputa, o Winnipeg Jets fez seu dever de casa e varreu o Edmonton Oilers dos playoffs da NHL

Marcelo Rodrigues
Colaborador do Torcedores

No último jogo de mais uma noite de pós-temporada do melhor hóquei do mundo, os Jets venceram os Oilers por 4-3 em um terceiro overtime e despacharam com maestria o favoritismo do time de Connor McDavid.

PUCK DROP

Após tomarem 3-0 na série sendo dois em seus domínios, o Edmonton precisa vencer a todo custo mesmo fora de casa para não ver a corrida da Stanley Cup pela telinha. Mas Winnipeg não tinha nada haver com isso, e abriu o marcador ainda por volta dos 6 minutos com Mark Scheifele. Na corrida contra o relógio o astro McDavid fez seu primeiro gol na série e empatou para os Oilers, mas viram os Jets novamente a frente do marcador com Mason Appleton.

REAÇÃO DOS OILERS

Já no segundo período, os Oilers foram com tudo pra cima dos Jets mesmo na Bell MTS Place, virando o jogo para 3-2 com gols de Ryan Nugent-Hopkins e Alex Chiasson. O último tento a menos de 4 minutos para o fim do tempo.

PRORROGAÇÃO

No terceiro e último tempo da partida Edmonton teve a chance de liquidar a partida, mas não fez e tomou o empate do Winnipeg de novo com Scheifele. O gol levou a partida para a prorrogação. Após dois overtimes sem gols, Kyle Connor mostrou mais uma vez ser decisivo nessa série e já no terceiro tempo-extra, deu a vitória para o Winnipeg Jets vencendo a partida por 4-3 e eliminando precocemente o Edmonton Oilers da pós-temporada.

O curioso que dentro de sua divisão, os Oilers terminaram a temporada regular com 72 pontos, apenas 5 a menos do que o líder Toronto Maple Leafs, e 11 a mais que os Jets, que ficaram em terceiro com 61.

PRÓXIMO JOGO

Vivo ainda no torneio, o Winnipeg Jets espera o vencedor da série entre Maple Leafs e Montreal Canadiens para definir seu adversário no segundo round. O time de Toronto venceu na mesma noite e lidera por 2-1.

Leia mais:

Dak Prescott: ‎”Eu poderia jogar um jogo hoje e ser ‘muito bem sucedido’”
Ben McLemore, dos Lakers, sofre acidente de carro na Califórnia