Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Fifa já ameaçou punir e puniu seleções por interferência do governo

Em caso de punição a alguma entidade, a seleção daquele país pode ser banida da Copa do Mundo

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Divulgação

Diante dos acontecimentos recentes envolvendo a CBF e o Governo Federal, com suspeitas interferências na Seleção Brasileira, é bom lembrar que isso pode causar punições pela FIFA. A entidade já ameaçou e puniu outras seleções; veja alguns casos:

Nigéria: a seleção do continente africano foi ameaçada em 2010 e punida em 2014. Em ambas a situações, o motivo foi interferência do governo local na entidade. Em 2010, o diretor de comunicação da Fifa, Nicolas Maingot disse:

“A Fifa enviou uma carta para a Federação Nigeriana de Futebol indicando que o governo da Nigéria tem até segunda-feira às 18h (horário local) para cancelar a ordem de retirada da participação da Nigéria de todas as competições da Fifa e da Confederação Africana de Futebol nos próximos dois anos”. 

E reiterou afirmando: “Uma suspensão (pela Fifa) vai além da suspensão de seleções nacionais. Também congela a ajuda financeira e nenhum árbitro (do país) poderá participar de competições internacionais”.

Em 2014, a Fifa chegou a anunciar oficialmente o banimento da Nigéria  por conta de interferência governamental na entidade.

A punição adotada pela Fifa na época impedia clubes do país de participaram de competições internacionais – sejam elas organizadas pela Fifa ou não. Além disso, a NFF não pode organizar competições regionais ou nacionais e nem mesmo amistosos.

Em ambos os casos, a punição foi retirada depois que o governo nigeriano voltou atrás.

Outros casos de ameaças e punições aconteceram com as seleções de Kuwait, Quênia, Gana e o nosso vizinho sul-americano, Peru.

Mais sobre o autor: Twitter

LEIA MAIS:

Jornal espanhol elogia Neymar critica atuação de Gabigol e cutuca CBF: “Ney comanda mais”

Mercado da bola: Balbuena deixa West Ham e, é alvo de clubes brasileiros

Mercado da bola: atacante do Internacional entra na mira do Barcelona

Mercado da bola: nomes são especulados para substituir Gerson no Flamengo

Mercado da bola: clubes brasileiros ganham forte concorrente por David Luiz