Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Keylor Navas pode deixar PSG; Milan, Juventus e Manchester United interessados

Juventus, Manchester United e Milan estão interessados em Keylor Navas

Gabriel Mineiro
Colaborador do Torcedores

Crédito: Instagram/psg

 Injustiças no futebol são mais recorrentes do que podemos imaginar. Desde as mais graves, como racismo e xenofobia, até as mais aceitáveis, como a falta de reconhecimento que a qualidade de determinado jogador exige. E Keylor Navas, ultimamente parece saber o gosto dessa injustiça mais do que ninguém.

 Recentemente, no Real Madrid, ele perdeu o posto de titular após ganhar 3 Champions League consecutivas no clube merengue. O motivo da troca? Thibaut Courtois, o goleiro que já era namorado pelo clube madridista a muito tempo, e quando finalmente chegou, Zidane não pensou duas vezes em fazer a troca.

 Navas então rumou a Paris, com a expectativa de ter o seu trabalho mais valorizado e reconhecido chegou ao PSG. Com duas excelentes temporadas no clube parisiense, onde foi peça fundamental na campanha que rendeu o vice-campeonato da Champions League, Navas finalmente parecia ter encontrado um lugar para chamar de seu, ali onde ninguém o questionaria.

 Mas para a infelicidade do arqueiro, a injustiça parece novamente bater à sua porta. Com rumores da chegada de Gianluigi Donnarumma ao PSG, Navas vê sua titularidade ameaçada, e pelo que tudo indica já está em busca de um novo destino.

 Manchester United, Juventus e Milan surgem como possíveis interessados. Se Navas deseja estabilidade e titularidade garantida, o melhor caminho seria o Milan, que acaba de perder seu principal goleiro, Donnarumma, que está livre no mercado após não aceitar a renovação. Nos dois outros pretendentes, Navas encontraria um caminho muito mais difícil para a titularidade. Já que a Juventus, apesar da possível saída do seu ídolo, Gianluigi Buffon, ainda contaria com a presença de seu atual titular, o polonês Szczesny. E no United o caminho ainda pode ser mais difícil, pois não disputaria com apenas um goleiro, e sim com dois, Dean Henderson e De Gea.

 O fato é que, quem quiser contar com o arqueiro costarriquenho, que das 49 partidas disputadas, em 18 delas conseguiu o cleansheat, terá que desembolsar 12 milhões de euros. Se tratando de futebol europeu, é uma pedida consideravelmente baixa.

 

VEJA TAMBÉM

Eurocopa: Seleção pede a Uefa punição para jogador que comemorou gol de forma preconceituosa

James Rodríguez sobre voltar ao Real Madrid: “Estamos vendo”