Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Vasco chega à Copa do Brasil com ‘obrigação’ por prêmio milionário

Premiação de classificação para a próxima fase pode atenuar crise do Gigante da Colina

Victor Martins
Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.Antes trabalhei para a GG12 (empresa de prestação de serviços de conteúdo para sites)

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial Vasco

Nesta terça-feira (1/6), o Vasco terá pela frente o Boavista em duelo estadual da terceira fase da Copa do Brasil. Uma partida que vale muito para o Cruzmaltino em vários aspectos. Um deles, o financeiro.

Se vencer o time de Bacaxá e ir até as oitavas de final, o Gigante da Colina ganhará de premiação cerca de R$ 2,7 milhões. Valores bem vindos para um clube que ainda segue tentando mudar o panorama financeiro e barrar a crise nos cofres vascaínos.

E além da muito bem-vinda premiação, outro fator ao qual o Vasco vê os duelos contra o Boavista como decisivos é pela campanha na temporada. A derrota na estreia da Série B do Brasileiro em pleno São Januário para o Operário-PR fez voltarem as desconfianças da torcida para o time comandado por Marcelo Cabo. O mau desempenho em campo contra a equipe de Ponta Grossa foi alvo de muitas críticas.

Por isso, o Gigante da Colina se vê na obrigação de largar bem na primeira partida para poder chegar ao segundo jogo com chances de vaga. O técnico Marcelo Cabo enxerga que este é o momento de ‘calma’ para que a equipe possa se recuperar  da derrota e tentar embalar sequência positiva nas duas competições

“Até o clássico com o Botafogo (pelas finais da Taça Rio), a gente tinha como ponto forte o nosso meio campo, que estava muito bem encaixado e criava boas oportunidades. Nos últimos três jogos, o nosso meio-campo, que eu reputo como cérebro e coração da equipe, não funcionou. Agora, precisamos de calma para reverter esse momento em que estamos oscilando”, disse Cabo segundo o BolaVip.

LEIA MAIS

Copa América, Eurocopa e mais: Onde assistir às principais competições em junho