Atacante do Goiás desabafa após marcar na Série B e traz revelações sobre pressão: ‘ameaçado de morte’

Jogador desencantou no embate diante desta quarta-feira (14), fora de casa, pelo certame da segunda divisão nacional

Cido Vieira
Jornalista formado e apaixonado por futebol desde criança. No Torcedores.com desde o ano de 2017, já acumulei diversas funções no site e atualmente me dedico a cobertura do futebol nordestino. No Twitter (@cidovieira90)

Crédito: Reprodução - Goiás - YouTube

Após dias de apreensão e ambiente conturbado por conta de protestos, o atacante Alf Manga balançou as redes com a camisa do Goiás. Autor do tento que garantiu a vitória do Esmeraldino fora de casa diante do CSA, o jogador aproveitou para desabafar em entrevista após a partida, e revelou ter sido ameaçado de morte por alguns torcedores.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Manga se envolveu em uma confusão com outros torcedores do Goiás após o revés sofrido para o Náutico, na última sexta-feira (09), pela 10ª rodada do certame. Desde então, o atacante disse que passou a receber ameaças. No duelo contra o Timba, o jogador acabou perdendo uma chance claríssima de marcar, e foi bastante questionado pelos esmeraldinos.

Além do atleta, o gerente de futebol do Goiás, Paulo Egídio, foi alvos dos protestos e ameaças que vieram dos torcedores.

“Quero agradecer a Deus por esse gol. Agradecer à minha equipe, ao professor Pintado, aos torcedores, ao presidente e ao Egídio (gerente), que está sendo ameaçado pela confusão que teve depois do jogo do Náutico. Estou muito feliz pelo gol e por ajudar. Sempre que vestir essa camisa, vou dar o máximo que puder. Sabemos que nosso objetivo não é fácil, ficar entre os quatro na Série B, mas estou muito feliz por marcar”, disse antes de completar.

“Acredito que é normal o jogador sentir uma pressão. Eu estava jogando bem, mas não estava conseguindo fazer gol, que é o meu principal objetivo. Feliz por dar esse presente para a torcida do Goiás. Vim com esse objetivo. Só Deus sabe o que passei essa semana, sendo ameaçado de morte pela cobrança que teve. Mas sei a responsabilidade que carrego por vestir essa camisa”, concluiu.

SITUAÇÃO NA TABELA 

Com a vitória fora de casa, o Goiás voltou ao G4 da Série B. O time alviverde agora é o terceiro colocado, com 19 tentos somados, mesma pontuação do quinto colocado do certame, o Guarani. O líder da competição é o Náutico, que apesar do empate em casa contra a Ponte segue confortável no topo, com 25 tentos somados.

LEIA MAIS: