Brasileirão, Série B e Copa do Brasil: futebol do Nordeste mostra sua força em 2021

Clubes nordestinos ocupam duas vagas do G6 na Série A, três do G4 da Segundona e estão em cinco dos oito confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil

Lucas Ayres
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/Rafael Machaddo / EC Bahia

Não dá para chamar de surpresa, mas também não dá para ignorar o protagonismo do Nordeste nesta altura da temporada do futebol brasileiro. Os clubes nordestinos, afinal, ocupam, neste momento, 11 das 26 maiores posições dos maiores campeonatos em disputa no país.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

São dois clubes no G6 do Brasileirão, três no G4 da Série B e mais seis nas oitavas de final da Copa do Brasil. O número é o maior entre as regiões do Brasil, já que o Sudeste tem nove representantes, o Sul tem cinco e o Cento-Oeste apenas um.

Entre todos os clubes do futebol do Nordeste, os destaques ficam para Fortaleza e Bahia, ambos no G6 do Brasileirão e vivos na Copa. O time cearense, inclusive, chegou a liderar a tabela entre a 3ª e a 4ª rodada.

A equipe baiana, por sua vez, tem o artilheiro do Campeonato Brasileiro, o atacante Gilberto, que fez 7 gols. Na Copa do Brasil, Rossi, com 7, divide a artilharia com Vanílson, do Manaus — David, do Fortaleza, vem logo atrás, com 3.

As gestões dos clubes do futebol do Nordeste

O bom momento dos tricolores é bastante representativo do momento do futebol do Nordeste. Ambos, afinal, junto do Ceará (que ocupa a 11ª posição do Brasileiro), foram os que mais modificaram suas estruturas e gerências.

O Bahia, por exemplo, tocou sua administração de maneira profissional, com diretor de futebol contratado, prestação de contas, análises periódicas de resultado e tudo mais que pede uma gestão de linha empresarial. O resultado, além das vitórias em 2021, foi o vertiginoso aumento de sua receita, que permitiu investimentos e a manutenção de jogadores como Gilberto, Rossi e Rodriguinho em seu elenco.

O caso é similar ao do Fortaleza e do Ceará. que cresceram muito desde 2018, a partir, claro, de suas gestões. Além de responsabilidade financeira, com a busca de novas fontes de rendas — como a produção e venda dos próprios materiais esportivos e a diversificação nas negociações dos direitos de televisão — os clubes investiram em centro de treinamento, como o Leão, e no reforço do sócio-torcedor, como o Vozão.

Há ainda a administração conjunta da Arena Castelão, que colocou os dois clubes entre aqueles com melhores médias de público em 2019, quando ainda havia torcida nos estádios.

O mesmo vale para os clubes da Série B. O Náutico, por exemplo, reformulou sua gestão em 2019 e, apesar da luta contra o rebaixamento em 2020, cresceu em 2021 e, além da ocupar liderança da segunda divisão, já levou o título do Campeonato Pernambucano.

O CRB, 4º colocado da Segundona e quem eliminou o Palmeiras, o último campeão, na Copa do Brasil, tem as contas equilibradas desde 2019 e desde o final de 2020 conta com o apoio da Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude de Alagoas.

Já o Sampaio Corrêa mostra, desde o ano passado, como sua organização interna tem dado frutos. Promovido da Série C para B em 2019, o Bolívia ficou na 6ª posição em 2020 e está na 3ª posição em 2021. Ainda neste ano, chegou ao bicampeonato do Maranhense e às quartas de final da Copa do Nordeste pela primeira vez em cinco anos.

A temporada no Brasil é longa e as partidas de mata-mata, imprevisíveis. Toda a atual configuração do futebol do Nordeste em 2021 pode, então, mudar. Mas só o fato de chegar aqui é uma grande demonstração de força e, quem sabe, um processo irreversível.

Futebol do Nordeste no Brasileirão*

  • Fortaleza: 4º lugar, 21 pontos
  • Bahia: 6º lugar, 17 pontos
  • Ceará: 11º lugar, 15 pontos
  • Sport: 17º lugar, 7 pontos

*11ª rodada

Futebol do Nordeste na Série B*

  • Náutico: 1º lugar, 25 pontos
  • Sampaio Corrêa: 3º lugar, 18 pontos
  • CRB: 4º lugar, 17 pontos
  • CSA: 13º lugar, 11 pontos
  • Confiança:  15º lugar, 9 pontos
  • Vitória: 17º lugar, 8 pontos

*11ª rodada

Futebol do Nordeste nas oitavas de final da Copa do Brasil

  • Vitória x Grêmio (ida: 27/07; volta: 03/08)
  • Fortaleza x CRB (ida: 29/07; volta: 05/08)
  • Flamengo x ABC (ida: 29/07; volta: 05/08)
  • Atlético-MG x Bahia (ida: 28/07; volta: 04/08)
  • Santos x Juazeirense (ida: 28/07; volta: 04/08)

LEIA MAIS

Memes da 11ª rodada: alívio no São Paulo, “Luccaku”, e “pai” do Santos

Árbitro admite erro em jogo entre Fortaleza e Corinthians

Corinthians? Red Bull Bragantino? Entenda a situação de Paulinho

Entenda a polêmica das bandeiras do Flamengo no estádio do Corinthians