Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Brasileirão, Série B e Copa do Brasil: futebol do Nordeste mostra sua força em 2021

Clubes nordestinos ocupam duas vagas do G6 na Série A, três do G4 da Segundona e estão em cinco dos oito confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil

Lucas Ayres
Colaborador do Torcedores

Crédito: Divulgação/Rafael Machaddo / EC Bahia

Não dá para chamar de surpresa, mas também não dá para ignorar o protagonismo do Nordeste nesta altura da temporada do futebol brasileiro. Os clubes nordestinos, afinal, ocupam, neste momento, 11 das 26 maiores posições dos maiores campeonatos em disputa no país.

São dois clubes no G6 do Brasileirão, três no G4 da Série B e mais seis nas oitavas de final da Copa do Brasil. O número é o maior entre as regiões do Brasil, já que o Sudeste tem nove representantes, o Sul tem cinco e o Cento-Oeste apenas um.

Entre todos os clubes do futebol do Nordeste, os destaques ficam para Fortaleza e Bahia, ambos no G6 do Brasileirão e vivos na Copa. O time cearense, inclusive, chegou a liderar a tabela entre a 3ª e a 4ª rodada.

A equipe baiana, por sua vez, tem o artilheiro do Campeonato Brasileiro, o atacante Gilberto, que fez 7 gols. Na Copa do Brasil, Rossi, com 7, divide a artilharia com Vanílson, do Manaus — David, do Fortaleza, vem logo atrás, com 3.

As gestões dos clubes do futebol do Nordeste

O bom momento dos tricolores é bastante representativo do momento do futebol do Nordeste. Ambos, afinal, junto do Ceará (que ocupa a 11ª posição do Brasileiro), foram os que mais modificaram suas estruturas e gerências.

O Bahia, por exemplo, tocou sua administração de maneira profissional, com diretor de futebol contratado, prestação de contas, análises periódicas de resultado e tudo mais que pede uma gestão de linha empresarial. O resultado, além das vitórias em 2021, foi o vertiginoso aumento de sua receita, que permitiu investimentos e a manutenção de jogadores como Gilberto, Rossi e Rodriguinho em seu elenco.

O caso é similar ao do Fortaleza e do Ceará. que cresceram muito desde 2018, a partir, claro, de suas gestões. Além de responsabilidade financeira, com a busca de novas fontes de rendas — como a produção e venda dos próprios materiais esportivos e a diversificação nas negociações dos direitos de televisão — os clubes investiram em centro de treinamento, como o Leão, e no reforço do sócio-torcedor, como o Vozão.

Há ainda a administração conjunta da Arena Castelão, que colocou os dois clubes entre aqueles com melhores médias de público em 2019, quando ainda havia torcida nos estádios.

O mesmo vale para os clubes da Série B. O Náutico, por exemplo, reformulou sua gestão em 2019 e, apesar da luta contra o rebaixamento em 2020, cresceu em 2021 e, além da ocupar liderança da segunda divisão, já levou o título do Campeonato Pernambucano.

O CRB, 4º colocado da Segundona e quem eliminou o Palmeiras, o último campeão, na Copa do Brasil, tem as contas equilibradas desde 2019 e desde o final de 2020 conta com o apoio da Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude de Alagoas.

Já o Sampaio Corrêa mostra, desde o ano passado, como sua organização interna tem dado frutos. Promovido da Série C para B em 2019, o Bolívia ficou na 6ª posição em 2020 e está na 3ª posição em 2021. Ainda neste ano, chegou ao bicampeonato do Maranhense e às quartas de final da Copa do Nordeste pela primeira vez em cinco anos.

A temporada no Brasil é longa e as partidas de mata-mata, imprevisíveis. Toda a atual configuração do futebol do Nordeste em 2021 pode, então, mudar. Mas só o fato de chegar aqui é uma grande demonstração de força e, quem sabe, um processo irreversível.

Futebol do Nordeste no Brasileirão*

  • Fortaleza: 4º lugar, 21 pontos
  • Bahia: 6º lugar, 17 pontos
  • Ceará: 11º lugar, 15 pontos
  • Sport: 17º lugar, 7 pontos

*11ª rodada

Futebol do Nordeste na Série B*

  • Náutico: 1º lugar, 25 pontos
  • Sampaio Corrêa: 3º lugar, 18 pontos
  • CRB: 4º lugar, 17 pontos
  • CSA: 13º lugar, 11 pontos
  • Confiança:  15º lugar, 9 pontos
  • Vitória: 17º lugar, 8 pontos

*11ª rodada

Futebol do Nordeste nas oitavas de final da Copa do Brasil

  • Vitória x Grêmio (ida: 27/07; volta: 03/08)
  • Fortaleza x CRB (ida: 29/07; volta: 05/08)
  • Flamengo x ABC (ida: 29/07; volta: 05/08)
  • Atlético-MG x Bahia (ida: 28/07; volta: 04/08)
  • Santos x Juazeirense (ida: 28/07; volta: 04/08)

LEIA MAIS

Memes da 11ª rodada: alívio no São Paulo, “Luccaku”, e “pai” do Santos

Árbitro admite erro em jogo entre Fortaleza e Corinthians

Corinthians? Red Bull Bragantino? Entenda a situação de Paulinho

Entenda a polêmica das bandeiras do Flamengo no estádio do Corinthians