Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Com vaias na torcida, Hamilton supera Verstappen e garante pole position no GP da Hungria

Briga pelo Mundial de Pilotos esquenta e GP da Hungria promete ser uma das melhores corridas da temporada

Rico Chermont
Gestor Esportivo | Sport Management Fala sobre #esportes, #experiencia, #sportsmanagement, #gestãoesportiva e #marketingesportivoPresidente MiniFootball Brasil Presidente Pan American Minifootball Federation CEO na Chermont BR Company CEO na ChBR Advertising CEO na ChBR Sports

Crédito: Créditos - Foto: Fórmula 1 Official Website

Lewis Hamilton viu sua hegemonia na Fórmula 1 ser ameaçada pelo seu rival, o holandês Max Verstappen, da Red Bull. Desde o GP de Mônaco, quando Max venceu e Lewis chegou na 7ª colocação, que Max assumiu a liderança do campeonato e se manteve até hoje.

Na última corrida, no GP da Grã-Bretanha, Max saiu da pista após ser tocado por Hamilton e viu o heptacampeão se aproximar novamente e deixar a disputa pelo título ainda mais acirrada. Max tem 185 pontos, enquanto Lewis conta com 177 pontos. Depois do polêmico acidente na última etapa, Lewis chegou ao GP da Hungria com fome de vencer.

No Treino Livre 1, da sexta feira, Max terminou com o melhor tempo. Contudo, no Treino Livre 2, Bottas foi quem teve o melhor tempo. Já no Treino Livre 3, neste sábado, Lewis superou Verstappen por apenas 0.088 segundos, deixando os Treino de Classificação ainda mais eletrizante.

COMO FOI

No Q1, a primeira parte do treino, em que todos os pilotos participam, o holandês levou a melhor e se classificou em 1º para o Q2. Max ficou a frente de Hamilton e Bottas. Verstappen fez o tempo de 1min16s214. Schumacher (que não participou da Classificação por conta de uma forte batida nos Treinos Livres 3), Mazepin, Latifi, Russel e Tsunoda foram eliminados.

No Q2, quinze carros entraram na pista. Após a sessão ficar interrompida por 10 minutos para a retirada do carro de Carlos Sainz, da Ferrari, que bateu forte, Max Verstappen também conseguiu o melhor tempo. O holandês baixou seu tempo para 1min15s650. Lando Norris e Pierre Gasly ficaram em 2º e 3º, respectivamente. Hamilton ficou com o sexto melhor tempo.

LEIA: Treinos Livres do GP da Hungria são marcados por intensa disputa entre Verstappen, Bottas e Hamilton

Mas no Q3, tudo mudou. Logo na primeira volta, Hamilton, que recebeu vaias da torcida de Max, fez o seu melhor tempo. Ele foi seguido por seu companheiro na Mercedes, Valtteri Bottas. Max caiu para a terceira posição. Com a volta de 1min15s419, Hamilton garantiu a pole position e vai largar ao lado de seu companheiro Valtteri Bottas, que fez 1min15s734. Verstappen larga na 3ª colocação e divide a fila com seu companheiro, Sergio Pérez.

No final do treino do GP da Hungria, Lewis agradeceu a toda a sua equipe: “Foi uma volta incrível. Tem sido um grande trabalho de equipe neste fim de semana, incluindo Valtteri. Estamos tentando colocar o carro na frente, desenvolvê-lo constantemente. Os caras na fábrica não deixam nada faltar. É muito bom ver todos juntos e se esforçando, agradeço o apoio que tive aqui”, comentou o heptacampeão.

GRID DE LARGADA

  1. Lewis Hamilton – Mercedes
  2. Valtteri Bottas – Mercedes
  3. Max Verstappen – Red Bull
  4. Sergio Pérez – Red Bull
  5. Pierre Gasly – AlphaTauri
  6. Lando Norris – McLaren
  7. Charles Leclerc – Ferrari
  8. Esteban Ocon – Alpine
  9. Fernando Alonso – Alpine
  10. Sebastian Vettel – Aston Martin
  11. Daniel Ricciardo – McLaren
  12. Lance Stroll – Aston Martin
  13. Kimi Raikkonen – Alfa Romeo
  14. Antonio Giovinazzi – Alfa Romeo
  15. Carlos Sainz Jr. – Ferrari
  16. Yuki Tsunoda – AlphaTauri
  17. George Russell – Williams
  18. Nicholas Latifi – Williams
  19. Nikita Mazepin – Haas
  20. Mick Schumacher – Haas

 

LEIA: Hamilton defende comunidade LGBTQIA+ da Hungria e crítica lei: “Inaceitável e Covarde”