Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Mercado da bola: Olympique quer Coutinho busca investidor para viabilizar negociação por meia brasileiro

Jogador do Barcelona interessa time de Sampaoli, mas OM terá de buscar patrocinador para trazer atleta

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Twitter Oficial Barcelona

O Olympique de Marselha ainda está na busca por jogadores para reforçar o time comandado por Jorge Sampaoli. E um outro brasileiro, Philippe Coutinho, pode estar na mira da equipe francesa para a próxima temporada, segundo o jornal francês L’Équipe.

De acordo com a publicação, Coutinho entrou na mira do time de Marselha nos últimos dias. A chegada do meia brasileiro interessa, mas o obstáculo salarial pode impedir uma negociação com o Barcelona, que espera vender o brasileiro por não poder pagar os salários do jogador, estes estimados em cerca de 12 milhões de euros (R$ 75 milhões).

Tal pedida salarial também não poderia ser custada pelo Olympique, que teria que buscar um investidor externo para viabilizar a negociação e o pagamento dos salários de Coutinho. A proposta do time francês seria de salário anual de 6 milhões de euros (R$ 37,4 milhões, aproximadamente) além de bônus de assinatura de 10 milhões de euros (R$ 62,4 milhões). Uma proposta que, segundo o jornal, pode acabar não sendo aceita.

Por isto entraria a história do patrocinador. Com o desejo de Sampaoli fazer uma equipe que possa disputar em peso a temporada (principalmente a Liga Europa), o OM estaria disposto a fazer investimentos para trazer os jogadores desejados pelo treinador, caso do também brasileiro Gerson.

O futuro de Philippe Coutinho ainda não está totalmente definido, mas são grandes as chances do jogador não ficar no Barcelona. O que abre uma corrida pela contratação do brasileiro.

LEIA MAIS

Mercado da Bola: Ex-Palmeiras, Gabriel Jesus se torna prioridade de gigante europeu

Romário, Jorge Jesus, quem são os candidatos da vez para o lugar de Tite na seleção