Roger exalta domínio do Fluminense em vitória sobre Cerro na Libertadores

Vitória por  2 a 0 fora de casa na partida de ida deu boa vantagem ao Flu nas oitavas de final

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C

O Fluminense conseguiu uma grande vantagem nas oitavas de final da Libertadores com a vitória fora de casa sobre o Cerro Porteño por 2 a 0. Numa grande atuação coletiva dos comandados de Roger Machado, o Tricolor se colocou com a chance de perder por um gol na volta para avançar de fase.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

O técnico do Flu exaltou a atuação e o domínio exercidos pelos tricolores na partida desta terça-feira. Roger viu o time agir de forma positiva diante da pressão do Cerro em buscar a reação e conseguir segurar o ímpeto dos paraguaios para construir, durante o segundo tempo, os gols que precisava para sair do Paraguai mais perto das quartas de final.

“Penso que aproveitamos bem. Criamos uma ou duas oportunidades que a gente poderia ter feito gols, mas o adversário, naturalmente, com o placar adverso, vai se lançar  à frente. Colocando jogadores ofensivos e a gente teria que defender um pouco mais perto da área. Então, não tem nada mais ter sofrido um pouco hoje, na medida em que você não consegue dominar um adversário o tempo inteiro. Mas dominamos nos momentos mais importantes e a prova é que saímos com um resultado que é muito importante para a gente”, disse o treinador.

Apesar de apontar a importância da vitória e do placar conquistados fora de casa, Roger tratou de  evitar euforia com o Fluminense à frente no confronto por 2 a 0 e aponta que a vantagem não deixa nada definido para a partida de volta, a ser disputada no Maracanã na próxima semana.

“Vencer fora de casa é sempre bom. Vencer pelo placar de 2 a 0 é um resultado muito importante. Porém, a gente tem que frisar que não tem nada decidido. Se estivesse, a disputa teria terminado hoje, Respeitamos o Cerro e vemos que ainda está em aberto. Mas conquistamos um resultado importante. Se a gente tivesse empatado, também poderíamos vir com um bom resultado para decidir em casa. Imagina vencendo por 2  a 0”, ressaltou o comandante do Flu.

LEIA MAIS

Que dupla! Nenê e Caio Paulista participaram de mais da metade dos gols do Fluminense na Libertadores