Harry Kane pode fazer Manchester City ‘quebrar’ política de transferências

O atacante inglês continua como uma das prioridades do Manchester City de Guardiola para a próxima temporada

Wagner Moreira
Formado em audiovisual, jornalista e analista de mídia

Crédito: Andy Rain - Pool/Getty Images

Depois do vice-campeonato da Eurocopa, Harry Kane agora pensa no seu futuro e tem o City como maior interessado em seu futebol.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Apesar de já ter se envolvido em polemicas quanto ao Fair Play Financeiro, é incomum que os Citizens invistam grandes montantes em um só atleta, o mais caro da era de ouro do time foi De Bruyne, que custou 76 milhões de euros.

A pedida atual da diretoria do Tottenham é de 170 milhões de euros, apesar do valor impeditivo, o The Athletic, aponta a possibilidade de um esforço extra do City para concluir a negociação.

O time de Pep Guardiola quer oferecer 120 milhões para os Spurs, um valor inferior a pedida, mas que vai muito além da política de transferências do Manchester City.

Harry Kane tem 27 anos e parece decidido a sair do Tottenham, o atacante quer encontrar elencos que o permitam buscar os títulos que tem faltado na sua carreira.

LEIA MAIS 

Mercado da bola: Benzema deve renovar com o Real Madrid

Mercado da bola: Arsenal negocia com Rúben Neves

Mercado da bola: Real Madrid se interessa por revelação da Dinamarca