Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Messi se aproxima de recorde de artilharia em seleções sul-americanas

Gol contra o Equador fez craque argentino se aproximar de Pelé, maior artilheiro de seleções do continente em jogos oficiais

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Divulgação/Facebook Oficial Seleção Argentina

A Argentina está nas semifinais da Copa América após vencer por 3 a 0 o Equador no último sábado (3). O gol final da vitória foi uma bela cobrança de falta de Lionel Messi que selou a vaga albiceleste e também o fez se aproximar de um recorde histórico.

O gol de Messi diante dos equatorianos foi o de número 76 do jogador do Barcelona em partidas oficiais pela seleção argentina. O atacante é o segundo maior artilheiro de uma seleção sul-americana e está apenas a um gol de igualar Pelé e a dois de superar o Rei do Futebol neste quesito, segundo lista postada pelo jornalista Rodolfo Rodrigues.

Tal meta pode ser igualada e até ultrapassada na semifinal contra a Colômbia, marcada para esta terça-feira (6), no Mané Garrincha, em Brasília. Senão, dependendo do que acontecer com a Argentina, Messi pode quebrar tal marca tanto na decisão do terceiro lugar, na sexta-feira (9) ou na final marcada para o sábado (10).

Dentre os que ainda estão disputando a Copa América, Neymar é o que está mais próximo das marcas de Messi e Pelé, com 68 gols marcados. Mas para poder se aproximar da briga pela liderança, teria que virar uma ‘máquina de gols’ nas partidas das semifinais e uma hipotética final ou decisão do terceiro lugar. Mas sabe que seguirá sendo o terceiro maior artilheiro de seleções sul-americanas ao final do certame.

LEIA MAIS

Zico desabafa após carregar tocha olímpica no Japão: “Brasil me negou”