Jô tem carro apedrejado por torcedores do Corinthians; clube repudia em nota oficial

Através de nota oficial, o Corinthians informou e repudiou, ato de violência sofrido pelo atacante Jô nesta quarta-feira(21)

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Corinthians

O dia de protestos pacíficos de membros de torcidas organizadas do Corinthians, não terminou tão pacífico assim. Segundo o próprio clube em nota oficial, o atacante Jô sofreu ‘ato de violência’ nesta quarta(21). Apesar do clube não ter informado na nota, a reportagem do ‘Meu Timão‘ citou que o carro do centroavante foi apedrejado, após evento em que o atleta estava participando.

Segundo a publicação, Jô participava de um evento da marca de roupas ‘Buh‘, na qual tem uma franquia. Estavam no local, o grupo ‘Turma do Pagode’, fazendo uma apresentação ao vivo.

Confira a nota oficial emitida pelo Corinthians:

“O Sport Club Corinthians Paulista repudia os atos de violência, em especial o sofrido pelo atleta Jô, na noite desta quarta-feira (21). Nada justifica ameaçar a segurança das pessoas.

O futebol mundial tem se levantado, dia após dia, contra atos de violência que distorcem os principais fundamentos do esporte: disputa e alegria.

O Corinthians está prestando assistência ao atleta e a sua família, que também presenciou a agressão. E pede reflexão a todos os torcedores, clubes e entidades da sociedade civil sobre esse momento repleto de violência e de comentários abusivos em redes sociais.

O futebol precisa ser um lugar de respeito. O Corinthians se compromete a redobrar seu empenho nessa luta, em nome de sua história e de seus compromissos com a democracia.”

Siga o Torcedores no Instagram e no Twitter

VEJA TAMBÉM:
Anúncio de Renato Augusto, negociação por Varanda e despedida no feminino: as noticias do Timão desta quinta(22)