“Olé” chama vitória do Atlético-MG de escandalosa: “tiraram o Boca da Copa”

Após a vitória do Atlético-MG nos pênaltis em cima do Boca Juniors, o jornal argentino diz que clube xeneize foi prejudicado novamente pelo VAR

Diego Lucio Castro de Oliveira
Colaborador do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução/Boca Juniors

Deu Galo! O Atlético-MG venceu o Boca Juniors nos pênaltis, e avançou para as quartas de final da Libertadores. Mas o extra-campo acabou chamando mais atenção na partida. Principalmente pela confusão pós-jogo entre jogadores do Boca e a polícia presente no Mineirão. Mas outro fato que repercutiu bastante, foi a reclamação argentina com a arbitragem e com o VAR. Inclusive, o maior site esportivo do país, colocou em sua capa toda sua indignação com o resultado da partida.

Remoção escandalosa de Boca“, chamou o ‘Olé’ em sua capa. Na opinião do diário local, o clube xeneize voltou a ser prejudicado pelo VAR, assim como no jogo de ida.

Jornal Olé chama de

O lance que mais gerou reclamação, foi o gol anulado de Weigandt, após falha de Everson. Com sete minutos de paralisação para consulta no VAR, o árbitro uruguaio Esteban Ostojich invalidou o gol devido a impedimento milimétrico de González, antes da sobra de Weigandt.

O ‘Olé’ citou o lance como um “gol lícito”, e que a anulação obrigou o Boca Juniors a ir às penalidades. A publicação também lembrou outro gol anulado no jogo de ida, e ainda citou: “Mereceu mais (a classificação), mas não deixaram”.

Siga o Torcedores no Instagram e no Twitter

VEJA TAMBÉM:
Atlético-MG garante milhões com classificação na Libertadores; veja valores

Riquelme se diz enojado após eliminação do Boca, detona VAR e dispara: “No Brasil é sempre assim”