Diniz exalta Kaio Jorge em vitória do Santos na Sul-Americana: “Parece que tem 27 anos”

Técnico do Peixe comemorou presença do atacante na vitória sobre o Independiente nesta quinta-feira (15)

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Foto: Ivan Storti/Santos FC

O Santos largou na frente nas oitavas de final da Copa Sul-Americana nesta quinta-feira, com a vitória por 1 a 0 sobre o Independiente na Vila Belmiro. Triunfo este garantido pelo gol de Kaio Jorge, que merece fortes elogios de Fernando Diniz após o jogo.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

O atacante ficou de fora das últimas três partidas santistas sendo poupado por causa do desgaste físico. E, em seu retorno, participou com firmeza do lance da vitória de sua equipe. Na coletiva, Diniz elogiou a maturidade do atleta de 19 anos numa partida decisiva como a desta quinta.

“O Kaio é um jogador que, embora seja jovem, joga com cada vez mais maturidade. Parece que ele tem 27 anos. É um jogador que conhece bem a função, agrega não somente ao Santos, e por isso tem muito time europeu atrás dele. O Marcos Guilherme jogou bem na função dele, mas é importante a volta do Kaio. Além de conhecer a função, ele está num nível bastante elevado”. exaltou o treinador santista.

Kaio Jorge tem contrato até o fim do ano com o Peixe e as negociações para sua renovação, até o momento, não renderam frutos. Enquanto isso, sondagens de times da Europa surgem ao atacante, o mais recente interessado sendo o Milan. O atleta também teve sua moral afetada com as mudanças de Diniz para o segundo tempo, que deram mais força depois de um primeiro tempo complicado.

“A tática usada era iniciar como iniciamos o segundo tempo. A gente estava circulando muito lento a bola, facilitando o encaixe na marcação do Independiente. Eles ficaram 15 dias só para se preparar para este jogo, tinham muita energia física. É um time difícil de ser batido. No segundo tempo, a gente conseguiu colocar mais intensidade para vencer um jogo importante”, disse.

LEIA MAIS

Sul-Americana: Kaio Jorge faz, Santos vence Independiente e abre vantagem nas oitavas


Com vitória, Santos quebrou tabu de 27 anos contra o Independiente