Sul-Americana: Kaio Jorge faz, Santos vence Independiente e abre vantagem nas oitavas

Jovem atacante marcou no segundo tempo e deu a vantagem ao Peixe no confronto, que joga por empate na próxima quinta (22), na Argentina

Lucas Ayres
Colaborador do Torcedores

Crédito: Pool/Getty Images

O Santos estreou na Copa Sul-Americana com vitória. O time bateu o Independiente por 1 a 0 na Vila Belmiro, na partida desta quinta-feira (15), a primeiro do confronto das oitavas de final. O gol foi marcado por Kaio Jorge, no segundo tempo.

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

O Peixe e o Rey de Copas não fizeram um bom primeiro tempo, de poucas emoções e finalizações. A etapa final, no entanto, foi inteira dos donos da casa, especialmente após a entrada do uruguaio Carlos Sánchez. Tanto que o jogo terminou com 19 x 5 para os anfitriões no placar das finalizações. Os visitantes, ainda assim, conseguiram ameaçar nos minutos finais, obrigando grandes defesas do goleiro João Paulo. Houve até um gol anulado, de Romero.

A partida de volta está marcada para daqui exatamente uma semana, portanto na próxima quinta-feira (22), novamente as 19:15, só que no estádio Libertadores de América, em Buenos Aires. Qualquer vitória, empate — ou derrota por um gol de diferença a partir dos 2 a 1 — dá a classificação ao Santos na Sul-Americana.

Antes, no domingo (18) o Peixe encara o Red Bull Bragantino pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será disputada em Bragança Paulista, as 20:30. O Independiente, por sua vez, estreia no Campeonato Argentino, também no domingo, só que as 20:15. O adversário será o Argentinos Juniors.

Os gols de Santos x Independiente

O placar só foi aberto aos 23 minutos do segundo tempo, por Kaio Jorge do Santos. O atacante aproveitou o rebote do chute na marca do pênalti de Marcos Guilherme — que recebeu um passe de três dedos de Marinho, na direita — e, livre, pode chutar para o gol com o goleiro Sosa caído.

Ficha do jogo Santos x Independiente

Santos (4-3-3): João Paulo; Pará (Madson), Luiz Felipe, Kaiky e Moraes; Gabriel Pirani (Carlos Sanchez), Camacho e Jean Mota (Lucas Braga); Marinho, Kaio Jorge (Zanocelo) e Marcos Guilherme. Técnico: Fernando Diniz

Independiente (4-2-3-1): Sosa; Fabrício Bustos, Ostachuk, Insaurralde e Lucas Rodríguez; Blanco (Lucas González) e Lucas Romero; Sebastián Palacios (Braian Martínez), Velasco (Herrera) e Andrés Roa; Silvio Romero. Técnico: Julio Falcioni

Gols: Kaio Jorge, 23′ 2T

LEIA MAIS

Entenda como funciona o critério do “gol fora” nas principais competições

Giuliano, Paulinho e Renato Augusto: qual a situação dos veteranos no Corinthians?

Weverton entra para história em 2ª partida com mais defesas pelo Palmeiras na Libertadores