Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Santos testa atacantes pensando na provável saída imediata de Kaio Jorge; veja as opções

O Santos, que venceu a Juazeirense por 4 a 0, já não teve a presença de Kaio Jorge

Wagner Moreira
Formado em audiovisual, jornalista e analista de mídia

Crédito: Ivan Storti/Santos FC

Com a iminente saída de Kaio Jorge, o técnico Fernando Diniz, já começa a observar suas opções e definir se o elenco pode suprir a ausência do atual camisa 9.

Nesta quarta-feira(28), Kaio não esteve entre os relacionados e por mais que Diniz ainda queira contar com o atacante, é provável que tenha que se virar sem ele.

A opção para a decisão da Copa do Brasil foi ter um trio ofensivo sem centroavante no time titular, com Marinho, Lucas Braga e Marcos Guilherme de falso nove, mas o time não encontrou o caminho do gol com essa formação.

Atacantes do elenco do Santos

Bruno Marques – O atacante tem como forte a bola aérea e foi importante para incomodar a zaga do Juazeirense no segundo tempo da partida na Vila Belmiro.

Bruno tem 22 anos e 1,94m, um brigador que pode auxiliar muito quando o Santos enfrenta defesas fechadas.

O Peixe tem se complicado contra adversários mais fracos por não ter um jogo forte pelo alto, Bruno Marques pode ser importante nessas situações.

Marcos Leonardo – O jovem de 18 anos é um fazedor de gols nato, com uma média de gols/min jogados melhor do que a de Kaio Jorge.

Apesar da idade, Marcos Leonardo já se destaca pelo físico e principalmente pelo posicionamento dentro da área.

No 4 a 0 da Copa do Brasil, deixou o seu gol mesmo com poucos minutos para jogar.

Raniel – O atacante lutou contra uma trombose que quase encerrou sua carreira, voltou a ser relacionado, mas precisará de tempo para encontrar seu melhor ritmo.

Raniel pode jogar pelos lados ou como centroavante, na sua chegada foi usado mais fora da área por Jesualdo Ferreira.

A vida sem Kaio Jorge: Santos tem melhor ataque e mais vitórias sem o atacante

Outros possibilidades

É possível que Diniz mantenha a equipe sem um desses atacantes de área, principalmente em jogos que terá campo para contra-atacar, isso já tem sido feito nas ausências de Kaio Jorge.

Fora do time profissional, Rwan, um dos destaques do Sub-23, poderia ter chances, mas no momento está cumprindo punição por ato de indisciplina.

LEIA MAIS

Santos: Diniz exalta ‘presente’ Carlos Sánchez após goleada

Madson x Pará: números mostram quem deve ser titular no Santos