Técnico do Al-Shabab fala sobre Edenilson: “Pedi sim, é um líder”

Péricles Chamusca assumiu recentemente o Al-Shabab e pediu o meia Colorado; O Inter ainda não respondeu a proposta

Diogo Rossi
Jornalista. Setorista da Dupla Grenal.Me acompanhe:twitter.com/diogo_rossi youtube.com/DiogoRossiJornalista

Crédito: Ricardo Duarte - Internacional

O Internacional pode perder um dos seus titulares. Edenilson está na mira do Al-Shabab, da Arábia Saudita. A proposta está na mesa do clube gaúcho após um acerto do time com o meia do Internacional. Edenilson foi pedido do técnico do Al-Shabab, o brasileiro Péricles Chamusca. Em contato com o Torcedores.com, via assessoria, o treinador confirmou o pedido do atleta e explicou os motivos. Confira as palavras do treinador brasileiro:

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

“Indiquei sim, ele é líder excelente profissional fora e dentro do campo. Um médio que participa bem na fase ofensiva e defensiva! Ele vai trazer o balanço defensivo que minha equipe precisa para ganhar a liga!”, destacou o treinador.

Inter procura substituto

 

Mesmo sem ainda confirmar a venda, o Internacional já procura um substituto. A multa rescisória de Edenilson está na casa dos 4 milhões de dólares. A proposta, no entanto, está abaixo desta pedida. As negociações seguem. Para substituir o jogador, dois atletas já foram procurados: Pedro Henrique, do Kayserispor e Hernani, do Parma.

Leia mais:

Oitavas da Libertadores: confira as chances de vitória do seu time

Internacional avalia mercado e já tem nome para substituir Edenilson