Vídeo mostra ameaças de McGregor à Poirier e esposa após lesão no UFC 264

Irlandês ameaçou rival de morte após sofrer lesão na perna em luta no último final de semana em Las Vegas

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Reprodução

Durante a semana de promoção do UFC 264, realizado no último final de semana em Las Vegas (EUA), Conor McGregor dirigiu uma série de provocações a Dustin Poirier, que envolveram até mesmo a esposa do lutador, Jolie. Após fraturar a perna e ver a trilogia encerrada de forma prematura, o irlandês decidiu aumentar o tom e até incluir ameaças de morte.

Imagens do pós-luta que viralizaram nas redes sociais mostram um vídeo do irlandês sentado junto à grade do octógono gritando contra Poirier  e a esposa. Imitando gestos de armas com as mãos, o ‘Notorious’ ameaçou matar ambos ‘enquanto estivessem dormindo’.,

“Enquanto estiverem dormindo, vocês vão ver. Vão morrer dormindo, você (Dustin) e sua senhora (Jolie). Não vai acabar assim”, gritou McGregor em direção ao rival.

“No começo da semana, ele (McGregor) ficou me ameaçando e dizendo que iria me matar e que eu não voltaria para casa. Foi isso o que me irritou. Mesmo quando ele estava sentado no chão, com a perna fraturada, estava olhando para mim, fazendo sinais de armas e dizendo que iria me matar. O que é isso? É nojento, é um esporte cara. É uma luta. A gente pode não gostar um do outro, mas não se fala essas coisas”, disse Poirier em entrevista pós-luta.

LEIA MAIS

Conor McGregor diz que vitória de Poirier foi ‘ilegítima’: “No segundo round, mostraria como as coisas são”