Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Regularizados, Calleri e Gabriel Neves já podem estrear com a camisa do São Paulo

Calleri e Gabriel Neves já foram regularizados no BID 

Jeferson Macedo
Colaborador do Torcedores.com.

Foto: Divulgação/São Paulo

As duas últimas contratações do São Paulo, Calleri e Gabriel Neves foram registrados no Boletim Informativo Diário (BID), e já podem estrear com a camisa do Tricolor. Neste domingo, às 20:30, o time comandado por Crespo enfrenta o Fluminense, em jogo válido pela primeira rodada do returno do Brasileirão.

Com os processos burocráticos resolvidos, agora resta saber se os dois estarão aptos fisicamente para estrear neste final de semana. Calleri foi apresentado na última quarta-feira, já Gabriel Neves na sexta passada.

O volante uruguaio disse em sua apresentação que está bem fisicamente, mas precisa de tempo para se adaptar ai novo país.

“Alguns jogos não joguei, mas me sinto bem fisicamente. Tenho que me adaptar um pouco aqui, é um tempinho de adaptação que preciso. Estou bem e com muita vontade de entrar no ritmo”, disse.

Calleri, por sua vez, vem treinando bem e anima Crespo. Em sua apresentação, o atacante disse estar empolgado para vestir a camisa do Tricolor novamente.

“Estou muito feliz por voltar a vestir a camisa do São Paulo. Quero agradecer aos dirigentes, a todos os torcedores. Passaram-se cinco anos. Foi muito gratificante receber mensagens de carinho. Nunca se esqueceram de mim. Quero agradecer a eles por me apoiar todos os anos”, disse.

LEIA MAIS:

Mercado da bola: Romero faz exigência inusitada para voltar ao Corinthians

Destaque do Brasileirão, Fortaleza recebe sondagens por quatro jogadores

Irmã de Cristiano Ronaldo se emociona com narração de narrador brasileiro

Livres no mercado, irmãos Romero já foram especulados em 4 clubes da Série A

Jornalista detona Neymar após declarações polêmicas: ‘É mau caráter, um mimado’

Quem sai em alta da seleção brasileira após 3 rodadas das Eliminatórias?

Brasileirão: Só um jogador foi expulso mais de uma vez no 1º turno

Messi bate recorde de Pelé e se emociona por título pela seleção: “Sonhei e lutei por isso”