Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

De virada e com intervenções favoráveis do VAR, Remo derrota o Vitória fora de casa

Time azulino saiu atrás no placar, mas reagiu no segundo tempo

Octávio Almeida Jr
Jornalista graduado pela Universidade da Amazônia (UNAMA), 28 anos.Repórter de campo pela Rádio Unama FM em duas finais de Campeonato Paraense (anos 2016 e 2017). Repórter no site Torcedores.com desde 2018.

Foto: Vitória x Remo

O Clube do Remo derrotou o Vitória por 2 a 1, nesta sexta-feira (10), no estádio Barradão, em jogo válido pela 23ª rodada do Brasileirão Série B. O time baiano abriu o placar com Marcinho, mas levou a virada no segundo tempo após Marcos Júnior e Lucas Tocantins balançarem as redes.

Com o resultado, o Remo chegou aos 30 pontos e subiu para o 11° lugar. O Vitória, por outro lado, segue com 23 pontos e na zona de rebaixamento, em 17° lugar.

Primeiro tempo

O Vitória dominou, amplamente, a primeira metade do jogo. De acordo com a transmissão do canal SporTV, o time nordestino chegou a ter 10 chutes a gol contra duas finalizações do Remo.

O Vitória abriu o placar aos 12 minutos. Samuel deu um passe diferenciado para Bruno Oliveira conduzir a bola e servir Marcinho que balançou as redes após driblar Thiago Ennes e finalizar sem chances para o goleiro Vinicius.

O Leão Baiano quase dobrou a vantagem em dois lances. Bruno Oliveira obrigou Vinicius a fazer uma defesa aos 26 minutos; e David, chutou pra fora aos 37.

A única chance do Remo ocorreu aos sete minutos. Rafinha arriscou de média distância, mas o chute foi pra fora.

Segundo tempo

O time paraense voltou do intervalo com uma substituição: Marcos Júnior entrou no lugar de Uchôa. A mudança surtiu efeito. Marcos Júnior empatou o jogo aos 16 minutos.

Marcos Júnior ainda deu a assistência para o gol da vitória azulina. Aos 43 minutos, ele deixou Lucas Tocantins frente à frente com o goleiro. Tocantins driblou o adversário e balançou as redes.

Assista aos gols:

VAR anula pênalti e valida gol

O árbitro Felipe Fernandes Lima marcou um pênalti a favor do Vitória aos 26 minutos do segundo tempo. Entretanto, foi chamado pela equipe da arbitragem de vídeo, o VAR, para revisar o lance. Após a revisão, Lima decidiu anular o pênalti e devolver a posse de bola para o Clube do Remo.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes

O aparelho eletrônico voltou a interferir aos 43 minutos. O VAR validou o segundo gol azulino, marcado por Lucas Tocantins. Inicialmente, a arbitragem marcou impedimento, mas o lance foi legal, na avaliação da equipe de arbitragem de vídeo.

Contusão

O lateral-direito Thiago Ennes sentiu um desconforto muscular e foi substituído por Pingo. A mudança ocorreu aos 23 minutos do primeiro tempo.

Estreia

Recém-contratado pelo Clube do Remo, o lateral-esquerdo Raimar estreou pelo time paraense. Ele foi um dos titulares escalados pelo treinador Felipe Conceição.

Ficha técnica – Vitória x Remo

Data: 10 de setembro de 2021

Motivo: Brasileirão Série B

Local: estádio Barradão (Salvador/BA)

Horário: 19h (horário de Brasília)

Vitória: Lucas Arcanjo; Edvan, Wallace, Moraes e Roberto; Pablo Siles (Cedric), David (Ronan), Fernando Neto e Bruno Oliveira (Soares); Samuel (Matheuzinho) e Marcinho (Eron) – treinador: Wagner Lopes.

Remo: Vinicius; Thiago Ennes (Pingo), Rafael Jansen, Marlon e Raimar; Uchôa (Marcos Júnior), Lucas Siqueira (Lucas Tocantins) e Felipe Gedoz; Arthur, Rafinha (Wellington Silva) e Mateus Oliveira (Jefferson) – treinador: Felipe Conceição.

Leia também:

Mercado da bola: Remo oficializa contratação de atacante campeão da Série C em 2019

Série B terá público no estádio quando 80% das cidades autorizarem, definem clubes

Após jogo da Série B, jogador do Londrina relata que foi chamado de macaco

Brusque revolta web após insinuar que Celsinho usou racismo para se promover