Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Vanderson deixa Europa de lado, foca apenas em tirar o Grêmio da atual situação e explica expulsão contra o Flamengo

Lateral-direito Vanderson concedeu coletiva de imprensa durante a tarde desta quarta-feira

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/Instagram

Focado em tirar o Grêmio da atual situação de luta contra o rebaixamento no Brasileirão, o lateral-direito Vanderson garantiu em coletiva de imprensa nesta quarta-feira que não está pensando em propostas da Europa nem no seu ano de 2022. O jogador também admitiu ter “passado dos limites” na expulsão que teve no jogo de ida diante do Flamengo pela Copa do Brasil, na Arena. Confira as principais declarações do atleta na entrevista:

Calma na hora de atacar

“Desde que eu subi para o profissional, tive treinadores que me ajudaram muito. Estou evoluindo muito nessa questão de não querer atacar toda hora, mas estou sempre tentando auxiliar meus companheiros. É bom ter a parceria de Alisson e Léo Pereira para auxiliar”

Já dá para pensar em Libertadores?

“Estamos lutando cada dia mais, todo mundo vê a evolução do nosso grupo. Vamos brigar primeiramente para sair dessa lama. Tirar o pé da lama para, depois, pensar em coisas maiores”

Expulsão contra o Flamengo

“Sou um jogador competitivo, que quer ganhar sempre. Naquele momento (expulsão contra o Flamengo), ao querer demais, eu passei dos limites. Agradeço a grandes pessoas aqui no clube, que me chamaram de canto, me passaram conselhos que vou levar para sempre na minha vida. Confesso que fiz coisas que não deveria ter feito (expulsões e raiva em campo). Tem a idade também, vou aprender com o tempo”

Parceria de Rafinha

“Sempre deixei claro que, desde a chegada do Rafinha, ele sempre me orienta. Não só ele, como os outros jogadores mais velhos. Se eu tive essa evolução, devo muito a ele. E a evolução se deve também ao professor Luiz Felipe e aos outros técnicos”

Jogo contra o Athletico e futuro no Grêmio

“Sabemos da dificuldade e da importância do jogo. Desde ontem começamos a pensar no Athletico-PR. É uma equipe que está sempre em cima. Sobre meu futuro, penso primeiro em ajudar o Grêmio a sair desta situação. Não é nela que o Grêmio tem que se encontrar”

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

LEIA TAMBÉM:

Convicto que jogará contra o Flamengo, Grêmio dá indícios sobre time na Copa do Brasil

Flamengo afronta CBF e coloca ingressos à venda para encarar o Grêmio; gaúchos se posicionam

Grêmio pode se negar a jogar contra o Flamengo na volta da Copa do Brasil; entenda

Companheiro revela o que incomoda Messi no PSG

Daniel Alves entre rivais, Oscar na Série A e Marinho: veja as notícias do mercado da bola

Neto surpreende e crava semifinalistas da Copa do Brasil

Brasileirão e futebol europeu: veja a agenda de jogos desta segunda (13)